22

maio 17

Categorias: Avisos do Blog

Blog em pausa por tempo indeterminado

Depois de pensar bastante nesse fim de semana, decidi dar uma pausa por tempo indeterminado no Consciencia.blog.br.

Tive vários motivos para tomar essa decisão:

  • O blog estava recebendo muito pouca atenção, em comparação com o Veganagente, meus livros e o meu futuro vlog;
  • Ele, na prática, passou todos esses anos sem ter um objetivo claro e um público-alvo delimitado, restringindo-se a postar opiniões minhas sobre determinados temas. Lembro que a minha intenção inicial ao criar este blog era fazê-lo ser uma continuidade do extinto Consciência Efervescente, blog em que eu postava opiniões pessoais sobre temas miscelâneos entre 2008 e 2010, época em que eu não tinha a maturidade e mentalidade que tenho hoje;
  • Os artigos do blog se situam quase sempre nos limites do senso comum, empobrecidos por minha pouca leitura nas ciências humanas;
  • Um dos propósitos deste blog, que era trazer conscientização sobre temas políticos, já é atendido muito melhor em outros sites, como o Voyager, onde eu sou colaborador, para um público dezenas de vezes maior e com uma profundidade muito mais robusta;
  • Depois de algumas mudanças que aconteceram nos movimentos sociais ao longo dos últimos anos – relativas ao protagonismo das pessoas de minorias políticas nos movimentos que as representam -, somadas à minha não participação em coletivos e grupos políticos e minha falta de leitura em Humanidades, percebo que hoje não tenho condições suficientes para falar de Direitos Humanos, Política e Meio Ambiente, os três temas do blog;
  • Por esses motivos que tornam este blog um mero blog amador, já faz quase quatro anos que ele não sai da média de 600 visitas diárias. Em todo esse tempo, o crescimento das visitas, se existiu, foi imperceptível;
  • Para este blog realmente começar a crescer e se profissionalizar, precisarei reinaugurá-lo com temas, objetivos e público-alvo bem definidos e uma proposta que realmente influencie a vida dos leitores de modo a melhorá-la e enriquecê-la. Isso não acontecerá antes de eu tornar regular o hábito do estudo intelectual e também aprender muito sobre marketing digital.

Quero voltar com o Consciencia.blog.br quando tiver bagagem intelectual suficiente para reinaugurá-lo como um blog profissionalizado que tenha chances sólidas de ajudar os leitores a, por meio da consciência ética e social, terem uma vida melhor e construírem um mundo mais digno para os seres humanos em geral.

Não sei quanto tempo essa preparação vai durar. Também não tenho certeza se essa desejada reinauguração reaproveitará o nome e domínio Consciencia.blog.br ou será um blog totalmente novo.

Mas uma coisa é certa: não pretendo tirar este blog aqui do ar. Ele contém muitos artigos que eventualmente ajudam alguns leitores a reverem ideias mal pensadas e edificarem seu conhecimento sobre o mundo. E continua aberto para comentários – as regras de civilidade e boa convivência permanecem, e comentários que as infrinjam serão editados ou apagados.

Agradeço a todos os meus mais de 2 milhões de leitores que visitaram este blog nesses sete anos de atividade. Continuarei ativo no Veganagente, na coluna do Voyager, no meu futuro vlog e escrevendo livros.

1 comentário

-

Leia mais aqui
14

maio 17

Categorias: Avisos do Blog

Gatinho em recesso

Para descansar um pouco e repor parte das energias*, decidi dar a mim mesmo um recesso no Consciencia.blog.br, no Veganagente, nos livros em andamento e na construção do meu futuro canal do YouTube. Volto à atividade no próximo dia 29/05.

Quando senti indisposição ao escrever um capítulo de um dos meus futuros livros em andamento, percebi que preciso muito tirar esse descanso, umas duas semanas nas quais eu possa ler livros, assistir vídeos e aprender mais, para voltar com mais força posteriormente.

Então nos vemos no final de maio, se não houver nenhum imprevisto. Até lá!

 

*Numa cidade desconfortável, cheia de estresses e sem parques muito verdes como Recife, é impossível para mim descansar cem por cento.

Nenhum comentário

-

Leia mais aqui
10

maio 17

Acelera, São Paulo, até bater

“Acelera, São Paulo”: um projeto urbano sombrio

“Acelera, São Paulo!” – dizia João Doria Junior em sua campanha para prefeito de São Paulo, em 2016.

Muitos apoiaram entusiasmados a ideia de que São Paulo “precisa de desenvolvimento acelerado”, que “precisa crescer mais”, que isso viria “melhorar” a vida dos paulistanos.

Esse apoio desconhecia – e ainda hoje desconhece – aspectos bem sinistros desse projeto de cidade “acelerada”.

Convido você a conhecer esse lado sombrio do #AceleraSP, e descobrir a necessidade de se criar um projeto urbano opositor: o #DesaceleraSP – o qual também quero muito que você vislumbre neste artigo. (mais…)

3 Comentários

-

Leia mais aqui
04

maio 17

Manipulação e senso comum

Seguir e repetir opiniões de senso comum: saiba como isso pode ter consequências inesperadas

Você costuma emitir opiniões sobre política, sociedade e educação moral baseadas em senso comum?

Se sim, convido você a conhecer melhor o outro lado de cada uma delas. Um lado que possui implicações e potenciais consequências que vão surpreender você.

Neste artigo, selecionei vinte argumentos e reivindicações que comumente são declarados em lugares como reuniões de família e grupos de WhatsApp.

Conheça o que cada um deles, no fundo, significaria para o seu futuro, o de quem você ama e do Brasil como um todo. Acredito que você irá refletir bastante sobre eles e pensar duas vezes antes de proferir tais colocações novamente, caso atualmente as veja como “verdades sólidas”. (mais…)

6 Comentários

-

Leia mais aqui
26

abr 17

Documentário There's No Tomorrow

Você já assistiu ao documentário Não há amanhã (There’s No Tomorrow, 2012)?

Ele divulga uma mensagem bastante apocalíptica e, de certo modo, desesperançosa, sobre o futuro da humanidade.

Mas será que esse material realmente tem uma análise acurada do que está por vir? Ou ele tem falhas que acabam invalidando, ainda que em parte, a falta de fé no futuro transmitida?

Dou uma dica: você pode se tranquilizar, porque provavelmente haverá sim um amanhã. Saiba neste artigo por quê. (mais…)

Nenhum comentário

-

Leia mais aqui
20

abr 17

Categorias: Artigo, Esquerda, Política
Ilusão da democracia representativa

Ilusão da democracia representativa

A Operação Lava Jato está fazendo uma devassa na política brasileira como nunca se viu.

Políticos da grande maioria dos partidos, incluindo grandes figurões do PT ao PSDB, estão sendo investigados e delatados.

Com a Lista de Fachin e as delações dos executivos e ex-executivos da Odebrecht então, suspeita-se de gente até mesmo do PSOL, que era um dos únicos partidos não envolvidos no escândalo.

As sucessivas denúncias e delações estão mostrando que o sistema político brasileiro, uma suposta democracia baseada em representação, partidos e eleições, é um fracasso.

Mas pensemos: Que alternativa temos? E como estamos nos empenhando em construir uma? (mais…)

2 Comentários

-

Leia mais aqui
05

abr 17

Categorias: Artigo, Esquerda, Política

"Não vote, lute", um gol contra político

“Não vote, lute.”

Essa frase vem à tona a cada eleição no Brasil, de dois em dois anos, pintada em muros por grupos marxistas estudantis.

Segundo ela deixa a entender, votar não vai mudar nada no país, vai apenas manter a tradição política pouco democrática e cheia de vícios que temos.

Portanto, a melhor opção seria lutar por uma revolução armada, e conquistar e conceder para o povo o comando político de si mesmo e os meios de produção.

Mas será que esse pensamento faz sentido e tem efeitos positivos no contexto atual em que estamos vivendo, de ascensão da direita e declínio da esquerda partidária?

Ou ela está tendo consequências nada favoráveis às esquerdas como um todo? (mais…)

6 Comentários

-

Leia mais aqui
27

mar 17

Donald Trump e o nacionalismo

Trump em discurso que promove um nacionalismo cheio de ódios e extremamente excludente. Foto: Christopher Gregory/Getty Images

O que o slogan Make America Great Again (“Faça a América Grande de Novo”) de Donald Trump e o antigo projeto “Brasil Potência” (ou “Brasil Grande”) têm em comum?

Ambos são projetos políticos de teor nacionalista de direita, que visam o “engrandecimento da pátria” e a construção ou restauração da glória nacional perante o mundo e os habitantes do país.

Mas será mesmo que esse tipo de política, que chamo aqui de “pátria grande”, realmente resulta num país, digamos, melhor de se viver e que realmente dá orgulho aos seus cidadãos? Ou a consequência é bem diferente disso? (mais…)

3 Comentários

-

Leia mais aqui
11

mar 17

Henry Adams sobre a natureza humana

Artelogy

Você acredita que a natureza humana faz os seres humanos serem corruptos, violentos e egoístas?

Crê que as ideologias utopistas nutrem sonhos impossíveis? Acredita que elas não levam em conta que as pessoas têm e sempre terão o ímpeto da corrupção e do egoísmo na sua constituição biológica ou espiritual?

Então eu aconselho que tenha cuidado com esse tipo de crença. Ela traz um segredo bem constrangedor, que tem bem mais a ver com você e sua imagem de si mesmo(a) do que tem percebido. E que, no final das contas, pode não corresponder à realidade como um todo.

Porém, há uma boa notícia aguardando você no outro lado desse segredo. (mais…)

6 Comentários

-

Leia mais aqui
03

mar 17

Viva a democracia!

Imagem: Sveta Gaintseva

Democracia é uma das melhores coisas que o ser humano inventou.

Graças a ela, incontáveis seres humanos, incluindo você, têm direitos e algum poder de decidir os rumos de seu país.

Porém, infelizmente, muitas pessoas, no Brasil e em outros países, ainda fazem pouco caso dessa dádiva da política moderna, esnobam a importância dos benefícios que ela nos proporciona e clamam por governos autoritários.

Se você, em algum momento dos últimos anos, duvidou da importância da democracia e viu algum sentido em demandas por “intervenção militar” e pela eleição de governantes mão-de-ferro, escrevi este artigo pensando em você mesmo(a).

Quero, por meio dele, mostrar dez razões para você, ao invés de clamar por forças autoritárias, demandar ainda mais democracia do que (o pouco que) já temos. (mais…)

1 comentário

-

Leia mais aqui