05

abr10

Frase(s) da semana (04-10/04)

Em vez de uma frase, é um comentário inteiro a frase desta semana.

Boa sorte. Beba gasolina e coma borracha.

Ninguém quer que voltemos ao Séc XIII, muito menos Marina Silva, como você, possuidor de clarividência espetacular, prevê e faz querer crer.

Certamente estaremos melhor nas mãos dos mensaleiros, e o melhor, em uma versão insossa de uma demagogo.

Ou então nas mãos de um vampiro que pertence a um grupo que já mostrou o que quer com o país ¬¬

Só no Brasil mesmo, as pessoas têm capacidade de achar ruim que preza pela defesa do meio ambiente e da educação, vide a forma como Cristóvão Buarque é visto.

Simplesmente a prioridade hoje é outra.

Mas, infelizmente, desenvolvimento e crescimento, para o brasileiro comum, aquele bem comum mesmo, é o recorde na produção e venda de veículos e na construção civil, além, é claro, da grande extração de petróleo.

Ai ai. Vou dormir. Acordem-me quando esse efeito retardado sair da cabeça dessas pessoas.

Obg.

por Carlos Carrilho, um dos poucos comentaristas que entenderam o lado ambientalista no post Megadesmatamento em Suape: ecocídio em nome do progresso, postado no blog Acerto de Contas (o mesmo texto está aqui no Arauto da Consciência também)

É triste que a maioria ainda pense no progresso econômico como algo imprescindivelmente superior à questão ambiental.

Quero ver se essas pessoas que torcem pelo progresso, por mais insustentável e destruidor que ele seja, vão querer, como disse Carlos, beber gasolina e comer borracha.

imagrs

3 comentário(s). Venha deixar o seu também.

Natascha Fox

abril 18 2010 Responder

Pleno Século XXI, passamos por diversas catástrofes ambientais e o que acontece? Mais de 1000 hectares serão desmatados na porta da nossa casa e as pessoas com quem eu converso(tento) sobre o asssunto não tem a menor ideia do que estou falando! E meu professor de geografia está a dois meses falando do maravilhoso porto de Suape e quando peço para ele falar sobre a destruição do mangue, ele fica calado! Como disse Carlos, vou dormir e espero ser acordada quando o povo finalmente começar a pensar! Ou quando já estiver tudo destruído, porque é pra esse destino que estamos invariavelmente indo. =[

Samory Pereira Santos

abril 5 2010 Responder

Eles nem sabem que estão fazendo o buraco para seu próprio poço.

    Robson Fernando

    abril 5 2010 Responder

    Com certeza. E depois eu que sou frescurento e ecochato. Se o mundo entrar em colapso ambiental e a humanidade começar a definhar, essa gentalha vai lamentar ter caçoado da “frescura” dos “ecochatos”.

Sua opinião é bem vinda, desde que respeitosa. Fique à vontade para comentar abaixo