13

set10

Depois de semanas, mídia repercute processos dos ateus contra Datena

Enfim algo na grande mídia saiu sobre o caso de ateofobia de José Luiz Datena.

Ateus processam Datena e Band

A Band e José Luiz Datena são alvos de processos por preconceito contra ateus (quem não crê em Deus ou em deuses). Ações correm no Fórum de Taubaté e no Tribunal de Justiça da Paraíba, por um comentário feito no “Brasil Urgente”, em 27 de julho. Na data, ao exibir um crime, Datena falou que o ato demonstrava “falta de Deus no coração”, entre outras afirmações. Em seu site, a Associação Brasileira dos Ateus e Agnósticos instrui seus associados a entrarem na Justiça. “Não tenho nada contra pessoas que não acreditam em Deus. Eu acredito e com ele vou até o inferno”, disse Datena à coluna. “Estão me pegando pela palavra. Logo agora que estou mais calmo.”

Detalhe 1: a coluna ainda precisou explicar o que são “ateus”. Isso parece refletir como a população não conhece direito sequer o nome ateu mas crê ter todo o conhecimento do caráter de tod@s nós ateus para jogar na nossa cara que “não prestamos”.

Detalhe 2: Datena está se fazendo de coitado, ignorando que as pessoas podem esquecer seus atos, mas a Justiça e as pessoas ofendidas por eles não os esquecem. Não adianta se ele nos ofendeu ontem, há dois meses ou há 4 anos e meio. Seu crime de injúria e preconceito não prescreveram só porque ele “esqueceu” que nos chamou de amorais e pessoas do mal.

Desejo êxito para tod@s aquelæs que denunciaram o sensacionalista ao Ministério Pùblico, à Justiça comum e seja lá aonde mais. Lembrando que eu também o denunciei, ao MP.

imagrs

3 comentário(s). Venha deixar o seu também.

Stop

setembro 14 2010 Responder

“Datena está se fazendo de coitado…”

Se fazendo de coitado, só? Que nada! Agora, além disso, ele acabou de dizer que está sendo perseguido, “pelos ateus”, por acreditar em deus. Disse ele: “…perseguição religiosa, não dá”. Que ateu usou uma rede de televisão para dizer que quem acredita em deus é criminoso?

Inverteu tudo e virou vítima, pode?

Noutro dia ele fez um discurso imenso, querendo dar uma lição de moral para as pessoas de uma reportagem, que haviam brigado por motivo banal. Ele se esqueceu que já saiu no braço com o Milton Neves, com Gilberto Barros, sendo este último por causa de ter recebido uma notinha baixa (aquela de 0 a 10) num programa de televisão.

E a Band lá… só pensando no bolso com os anunciantes.

Lobo

setembro 13 2010 Responder

Em uma palavra esse Datena me parece um teo-nazi.

Sua opinião é bem vinda, desde que respeitosa. Fique à vontade para comentar abaixo