28

set10

[Pernambuco] Concurso público no Cabo oferece para professor menos que o salário mínimo

A educação no Brasil é tratada como lixo, como algo risível – e isso não é nenhuma novidade. Professoræs, cuja profissão é moralmente (ou deveria ser) a mais nobre de todas as sociedades modernas, são vist@s como párias, como possuidoræs de uma profissão comparável com a de coveiro – ou pior, uma profissão ainda mais inglória e rebaixada que o ato de cavar túmulos.  E o concurso público da Prefeitura do Cabo de Santo Agostinho dá uma das mais perfeitas demonstrações desse paradigma extremamente destrutivo e nocivo.

O edital do concurso 2010 daquela prefeitura dá aos professoræs um salário menor que o mínimo. Vejam:

TABELA 2 – CARGOS NÍVEL MÉDIO
TAXA DE INSCRIÇÃO R$ 40,00

Cargo / Número de vagas / Vagas para deficientes / carga horária semanal / salário básico / gratificações / prerrequisitos curriculares

PROFESSOR I – EDUCAÇÃO INFANTIL 44 01 150 h mensal R$ 479,02 R$ 239,51 Ensino Médio Completo com Habilitação para o Magistério ou Licenciatura Plena em Pedagogia de 1ª a 4ª Série do Ensino Fundamental.
PROFESSOR I – EDUCAÇÃO INFANTIL – LIBRAS 10 150 h mensal R$ 479,02 R$ 239,51 Ensino Médio Completo com Habilitação para o Magistério ou Licenciatura Plena em Pedagogia de 1ª a 4ª Série do Ensino Fundamental. Curso de Libras.
PROFESSOR I – ENSINO FUNDAMENTAL 156 04 150 h mensal R$ 479,02 R$ 239,51 Ensino Médio Completo com Habilitação para o Magistério ou Licenciatura Plena em Pedagogia 1ª a 4ª Série do Ensino Fundamental.
PROFESSOR I – ENSINO FUNDAMENTAL – DEFICIÊNCIA MENTAL 05 150 h mensal R$ 479,02 R$ 239,51 Ensino Médio Completo com Habilitação para o Magistério ou Licenciatura Plena em Pedagogia 1ª a 4ª Série do Ensino Fundamental. Curso Técnico em Deficiência Mental.

E falando em comparar professoræs com coveiros, prepare-se para o choque:

TABELA 1 – CARGOS NÍVEL FUNDAMENTAL TAXA DE INSCRIÇÃO R$ 30,00

Cargo / Número de vagas / Vagas para deficientes / carga horária semanal / salário básico / gratificações / prerrequisitos curriculares

COVEIRO | 10 |  – | 40 | R$ 537,03 | R$ 101,20 | Ensino Fundamental Incompleto. Prova Prática.

Sim, é isso mesmo o que você está vendo. Coveiros ganharão mais que professoræs no vencimento básico. O que “salva” noss@s educadoræs é que a soma do seu vencimento básico mais sua gratificação será R$80,30 maior que a mesma soma para os coveiros.

Ou seja, pode sair mais em conta reprimir seus sentimentos de condolências com o próximo e cavar túmulos do que ensinar crianças a serem cidadãs portadoras de bom conhecimento e valores construtivos.

Como formaremos um país melhor desse jeito, contratando mestræs com remuneração típica da classe E, a mais baixa da pirâmide socioeconômica brasileira? Como entidades como a Prefeitura do Cabo querem que @s cabenses da próxima geração sejam pessoas retas e inteligentes se não dão a mínima chance para receberem uma educação portadora da mínima decência?

imagrs

3 comentário(s). Venha deixar o seu também.

Joseane

fevereiro 13 2011 Responder

Também concordo com os comentários do colega, muito mais que comentários são verdadeiros desabafos e gritos para que nossos “fiéis” políticos acordem para a importancia da educação e do educador. Passei no concurso do Cabo para professor mas infelizmente não tenho muito o que comemorar, meu salário não vai mudar a minha vida. Terei certamente que dar aula em mais de um horário para poder dar uma vida menos indigna para minha família.

Sua opinião é bem vinda, desde que respeitosa. Fique à vontade para comentar abaixo