15

out10

[OFF político] Temeroso Dia dos Professores/as com a boa probabilidade de Serra ganhar

Hoje desejo um feliz Dia d@s Professoræs a tod@s essæs nobres profissionais cuja importância tem o tamanho do planeta, mas hoje em dia são, no Brasil, profundamente maltratad@s pela sociedade, seja pelos governos, seja pel@s seus própri@s alun@s.

E aproveitando que estamos nos aproximando dos meados do segundo turno, faço aqui o apelo para que vocês leitoræs pensem duas vezes antes de confirmar seu voto em José Serra. Os motivos maiores, no campo da educação, são dois:

a) Assistindo ao guia eleitoral da TV, percebemos que ele não tem nenhuma política dedicada ao ensino básico e aos professoræs fora a tal promessa das duas professoras no primeiro ano do Fundamental. Quem assiste ao guia eleitoral percebe logo isso. Nada de política salarial, nada de valorização remunerativa e/ou psicológica, nada de segurança d@ professor/a em escolas violentas, nada sobre repasse de investimento às escolas públicas estaduais e municipais, zero sobre integração cultural-educativa escola-comunidade, absolutamente nada sobre a implantação da Educação Progressiva… entre tantas outras omissões que mostram que Serra não vale uma nota de 3 reais no quesito Educação Básica.

Sem falar no ensino superior/profissionalizante: ele se restringe ao 1 milhão de vagas novas no ensino técnico, talvez incluindo as 500 mil novas vagas de técnico em auxiliar de enfermagem, pela expansão das escolas técnicas, e ao programa ProTec, um ProUni de escolas técnicas. Não falou nada sobre investir no ensino superior, nas universidades, na expansão das mesmas. Olhando de longe, parece esquecer que as antigas ETF (Escolas Técnicas Federais), embora não tenham deixado de oferecer cursos técnicos, oferecem também cursos tecnológicos-superiores desde quando se tornaram Cefet’s, dez anos antes de se tornarem Institutos Federais.

Dilma Rousseff também não é nem de longe uma promessa de reforma educacional, uma vez que seu programa de governo também não inclui os pontos que delimitei dois parágrafos acima. Mas é verdade que seu programa educacional, a incluir novas creches e expandir o ensino técnico e superior pelo Brasil – continuando o que Lula começou -, é menos incompleto e mais consistente e coerente.

b) Esse não precisa de palavras escritas. Mas de vídeos, sobre como José Serra tratava @s professoræs da rede estadual de ensino de São Paulo:

Pois bem, pense bem antes de confirmar intenção de votar em Serra. Se você desistiu de votar em Serra mas ainda assim rejeita votar em Dilma, não há outra opção: vote branco ou nulo.

imagrs

Seja a primeira pessoa a comentar

Sua opinião é bem vinda, desde que respeitosa. Fique à vontade para comentar abaixo