04

fev11

Camundongos podem ser explorados em breve em nome da segurança

Camundongos podem localizar bombas como cães, diz empresa

Camundongos que podem trabalhar melhor que os scanners corporais encontrados em aeroportos na localização de bombas é o que prega a empresa israelense BioExplorers, de Israel). Segundo ela, os roedores seriam capazes de identificar, pelo faro, explosivos carregados por terroristas.

“Diferentemente dos cães, que são frequentemente treinados para detectar bombas e drogas, os camundongos não necessitam de interação constante com seus treinadores para se manterem motivados”, explica Eran Lumbroso, da BioExplorers.

Essa não é a única vantagem sobre os caninos. Os camundongos possuem 1.120 genes relacionados ao olfato, enquanto que os cães, 756. Isso significa que os roedores têm um nariz muito melhor para identificar cheiros.

Em um teste realizado em um shopping center de Tel Aviv, 22 de um total de mil pessoas esconderam explosivos em seus corpos e depois se submeteram a um detector com os tais camundongos. O resultado surpreendeu: todos os pacotes foram localizados pelos roedores, e somente houve um alarme falso –em porcentagem, seria o equivalente a 0,1%.

Há, porém, um contratempo. Os ratos podem trabalhar quatro horas diárias, mas vivem apenas 18 meses. Por isso, os treinamentos teriam que ser constantes para os camundongos serem substituídos.

Serão mais animais a ser proibidos de viver suas próprias vidas. Serão seres obrigados a nascer com o único fim de ser escravos dos seres humanos, já que por toda a sua vida terão que farejar bagagens em aeroportos.

Mas isso, por mais que @s defensoræs dos direitos animais reclamem, é normal nos dias de hoje, e será por diversos anos. Ainda teremos que ver muitas notícias no futuro próximo sobre ideias jeniais (sic) de como criar novos meios de escravizar mais e mais animais desde nascença.

imagrs

Seja a primeira pessoa a comentar

Sua opinião é bem vinda, desde que respeitosa. Fique à vontade para comentar abaixo