05

abr11

Transgenia e exploração animal: leite humano de origem bovina

Vacas geneticamente modificadas produzem ‘leite humano’

Cientistas chineses conseguiram introduzir genes humanos em 300 vacas leiteiras para que elas produzissem leite com características semelhantes às do leite humano, conforme afirmou uma reportagem do Telegraph. O leite humano possui uma quantidade maior de nutrientes e pode ajudar no desenvolvimento do sistema imunológico e reduzir o risco de infecções em bebês.

De acordo com o grupo de pesquisadores, o leite modificado pode servir com substituto mais eficiente ao leite comum de vaca. “Como alimento diário, o leite de vaca provê uma fonte básica de nutrição. Mas problemas de digestão e absorção não fazem dele o alimento perfeito para o ser humano”, afirmou Ning Li, cientista responsável pelo projeto. Segundo ele, o consumo do leite modificado é tão seguro quanto o de leite bovino comum.

Os pesquisadores utilizam tecnologia de clonagem para introduzir genes humanos no DNA de vacas da raça Holstein. Em seguida, embriões geneticamente modificados foram colocados nas vacas. O leite resultante possui a enzima humana chamada de Lisozima, uma proteína antimicrobial que protege bebês de infecções.

Uma das questões que ainda afasta o projeto de chegar ao mercado consumidor são os problemas relacionados à ética e segurança de alimentos geneticamente modificados.

Já ouvi falar muito sobre oposição à transgenia agrícola, vegetal – de soja, de milho, de trigo etc. Mas muito pouco ouço falar de esforços contrários à transgenia pecuária. Os motivos disso eu ainda não sei, mas sei que é algo bastante curioso. Aliás, para falar a verdade, o ideal é não contrapropagandear apenas a pecuária transgênica, mas qualquer processo de produção de alimentos e outras matérias-primas de origem animal.

A notícia acima desperta preocupação porque, se as empresas que detêm o oligopólio de seres vivos transgênicos conseguirem fazer uma bem-sucedida campanha de alienação publicitária no máximo possível de sociedades modernas, a transgenia leiteira vai impulsionar a exploração animal. Serão dadas à luz quimeras bovinas a produzir leite humano, seres nascidos não para viver uma vida própria, mas sim com o único fim de dar leite “humano” para uma população que não se preocupa com as violações éticas da pecuária e da transgenia.

O leite humano de origem materna continuará sendo o único leite humano ético.

imagrs

1 comentário(s). Venha deixar o seu também.

Sua opinião é bem vinda, desde que respeitosa. Fique à vontade para comentar abaixo