12

jun11

Para os Dia dos Namorados, uma história de amor vegano

Este post ficará fixo no topo da página inicial do blog durante todo o Dia dos Namorados, da hora de sua publicação até a meia-noite de 13/06.

Para comemorar este Dia d@s Namorad@s vegetarianamente, trago do Vista-se a história do casal vegano Marcos e Mel, que Marcos fez a grande preciosidade de trazer para nós vegs no Vista-se.

 

Ingresso no mundo vegano
por Marcos Cardoso, namorado de Mel Matos*, para o Vista-se

Para este primeiro post, irei me apresentar. Sou Marcos, tenho 22 anos e tive o privilégio de haver sido criado sob uma alimentação ovolactovegetariana e vivi tranquilamente desta forma (crescendo mais que todos os meus amigos) até os 16, 17 anos, quando fui tentado a experimentar as primeiras fatias de presunto até aquele instante em minha vida, junto com ocasionais ”inserções” de bacon em alguns salgados de padaria. Enfim, comecei a tentar acostumar o meu paladar com aquilo que sempre enxerguei com um olhar incrédulo: a carniça do que antes fora um animal.

Como disse anteriormente, vivi ”tranquilamente” até aquele momento, e, até me aventurei em comer alguns pedaços de frango e picanha durante os 3 anos mais intoxicados de minha vida até chegar aos 20 anos. Como qualquer pessoa criada com uma dieta ovolacto, muitas foram as vezes em que meu corpo não processou muito bem aqueles pedaços de corpos. Um fato muito importante aconteceu em janeiro de 2009, pois ironicamente num Bob’s conheci a minha futura esposa, a qual estando ao lado na fila me surpreendeu ao pedir uma porção de batatas fritas com suco de laranja naquele antro de processamento de carnes. Eu, incumbido em comprar uns 6 hamburgueres para o grupo que aguardava em uma casa de shows, apenas troquei algumas palavras com aquela bela menina vegetariana.

Não tardou para nos tornarmos namorados em aproximadamente 1 mês depois daquele evento. Inúmeras foram as semelhanças, pois além de eu haver sido ovolacto nos 16 primeiros anos (naquele momento eu não ”estava” vegetariano”), tínhamos a MÚSICA em comum. Inclusive ela era a backing vocal do show em que fui roadie de um tecladista, na tal casa de shows próxima ao Bob’s.

Enfim, a moral desta história que dá o que falar é que em 1 ano de namoro eu voltei a ser ovolacto e após passar 1 ano sem comer derivados de animais, decidi tornar-me vegano. Isto faz 3 semanas apenas. E adivinhem qual foi meu maior orgulho ao olhar meu celular em plena tarde de indagações e dúvidas? Havia uma mensagem de texto e era dela, da mesma menina vegetariana que estava me encantando ao longo daqueles 2 anos de namoro, perguntando:

– Você me dá a honra de sermos veganos juntos?

Após emocionar-me, simplesmente respondi com o coração batendo mais forte que SIM!

P.S: Marcos e Mel são integrantes da banda Atena.

*Marcos não revela no texto o nome da namorada, mas em resposta a um comentário meu no Vista-se afirma que ele e ela tocam junt@s na Banda Atena, cuja única mulher integrante se chama Mel Matos. Logo, a conclusão mais óbvia é que o casal acima realmente se trata de Marcos e Mel.

imagrs

1 comentário(s). Venha deixar o seu também.

Robson Fernando de Souza

janeiro 16 2012 Responder

<3

Sua opinião é bem vinda, desde que respeitosa. Fique à vontade para comentar abaixo