28

jun11

Tortura em nome da ciência (Parte 54)

Mais detalhes no caso dos animais envenenados com bisfenol-A na Universidade de Missouri: além de causar câncer de mama, distúrbios cardíacos, obesidade e hiperatividade, a substância altera o comportamento sexual desses animais. De acordo com o Terra Notícias, a vivisseccionista Cheryl Rosenfeld afirmou: “As ratas não querem acasalar com os machos expostos ao BPA [bisphenol-A] e estes últimos têm dificuldades maiores em navegar espacialmente para encontrar parceiras sexuais”.

Esse é só mais um detalhe na tortura que foi infligida àqueles animais, o menos severo dos sintomas causados. Mostra que os vivisseccionistas, além de torturarem, acabam também “brincando” com seus escravos.

imagrs

1 comentário(s). Venha deixar o seu também.

Sua opinião é bem vinda, desde que respeitosa. Fique à vontade para comentar abaixo