23

ago11

Eles próprios assumem: o rodeio incomoda os animais!

Postado originalmente em 22/02/10

Mesmo com seus eufemismos, alguns sites que dedicam um espaço ao violento show chamado rodeio reconhecem que a atividade realmente incomoda os animais explorados.

Primeiro, o UOL Notícias, que reservou uma seção especial ao rodeio em 2009 no ano passado e falava explicitamente sobre incomodar:

Também a seção de rodeio do Globoesporte.com…

E finalmente o site d’Os Independentes, donos do Inferno de Barretos:

(Todos os grifos são meus e você pode clicar nas imagens para ver suas fontes.)

Você leitor/a acharia bom receber golpes de espora em alguém que subiu em cima de sua corcunda? E ser agredido a ponto de te chamarem de “coitado? E ser derrubado e ter seu pescoço virado por cavaleiros? E irritado e induzido a cócegas que não pode deter? Ressaltemos que essas agressões são formas evidentes, para não dizer óbvias, de violência, para não dizer tortura, também.

Quando os próprios parceiros ou organizadores de rodeios assumem que incomodam os animais explorados, quem irá contestar?

imagrs

6 comentário(s). Venha deixar o seu também.

Biga

agosto 30 2014 Responder

Já acho o seguinte muitos que falam mal, nem chegaram a ver o que acontece realmente,
Muitas crianças são maltratadas e ninguém fala nada nem se quer toma providencias, esses animais são melhores tratado do que muitas pessoas, digo isso porque conheço,
NÃO há violência nenhuma, oque realmente o animal sente é cocegas!
É CULTURA e não violência!!

    Robson Fernando de Souza

    agosto 30 2014 Responder

    1. Nenhum veterinário viu “o que acontece realmente”, portanto não há nenhum laudo atestando que o uso de instrumentos nos rodeios é um maltrato – e nenhum laudo tem sido usado pra proibir rodeios no Brasil um município atrás do outro -, é isso? Ta serto
    2. Falácia da prioridade com fuga ao tema e falsa dicotomia. O assunto aqui não é maltrato de crianças, e sim rodeios. E não é impossível a mesma pessoa pensar em crianças e também em animais “de rodeio”.
    3. E cócega não é nenhum incômodo, tal como forçar um animal a sentir cócegas não é nenhuma violência e tortura, né mesmo?
    4. As lutas de gladiadores uns contra os outros e contra animais selvagens nos anfiteatros romanos também era cultura. E era violência ao mesmo tempo. Cultura e violência não são mutuamente excludentes.

Rayane

junho 16 2014 Responder

Pois eu já amo,acho que é uma cultura,um esporte lindo e que não deve acabar nunca;como vcs mesmos disseram o animal só se sente incomodado,não tem nada de violência ou agressão!

Bárbara de Almeida

agosto 25 2011 Responder

Putz, falou tudo agora.

#ODEIORODEIO

    Rayane

    junho 16 2014 Responder

    Acredito que dentre as 4143 pessoas que curtiram esse blog a maioria já assistiu um rodeio ou tem vontade de ver,acha lindo mesmo ou então gosta de música country ou sertaneja que fala de rodeio,acha bonito o estilo country que tem tudo a ver com rodeio e ainda topo qualquer parada que se fosse um blog a favor dos rodeios ou numa conversa com quem gosta deles essa maioria que eu disse não ia dizer que não gosta ou é contra os rodeios;e se DEUS quiser a minoria que não gosta msm nunca vai alcançar o que quer(acabar com os rodeios)e a nossa cultura nunca vai morrer!

      Robson Fernando de Souza

      junho 17 2014 Responder

      “e se DEUS quiser a minoria que não gosta msm nunca vai alcançar o que quer(acabar com os rodeios)e a nossa cultura nunca vai morrer!” – Ou seja, seu deus é a favor da violência contra animais, é isso?

Sua opinião é bem vinda, desde que respeitosa. Fique à vontade para comentar abaixo