18

ago11

Tortura em nome da ciência (Parte 63)

Vídeo recomendado a mim pelo deputado estadual do RJ Bruno Correia mostra até onde vai a insensibilidade e, por que não, sadismo dos cientistas vivisseccionistas e dos demais simpatizantes da vivissecção. É um trecho do programa Estúdio i, da Globo News, de anteontem:

O médico entrevistado e todo o cast de apresentadores do programa dão risadas com o fato de que ratos são geneticamente violados de modo que nasçam condenados à Doença de Alzheimer. Na experiência relatada, cujos autores e instituições não foram nomeados, parte das vítimas foram postas em exercícios físicos intensivos e acabaram adquirindo menos sintomas, ou sintomas mais leves, da doença. Mas houve um grupo controle que foi privado dos exercícios e acabou sofrendo integralmente os sintomas do mal. Às risadas, conta-se que os ratos doentes sofrem diversos problemas de orientação, entre eles perder-se em labirintos.

imagrs

Seja a primeira pessoa a comentar

Sua opinião é bem vinda, desde que respeitosa. Fique à vontade para comentar abaixo