14

jun13

Reportagem machista do UOL Esporte mostra ex-namorada de jogador do Vasco como troféu
Para o UOL, parceiras de jogadores são meros troféus "conquistados" por eles.

Para o UOL, parceiras de jogadores são meros troféus “conquistados” por eles.

Uma notícia do UOL Esporte promete revoltar as mulheres, em especial feministas, nas próximas horas. Intitulada “Ex de George Clooney é uma das conquistas de novo reforço do Vasco”, já começa desde o título coisificando a atriz e apresentadora Elisabetta Canalis, ex-namorada do jogador do Vasco Reginaldo, como se fosse um troféu “conquistado” por ele.

A notícia, tão relevante quanto o fato de que o irmão da vizinha do ex-colega de escola de Lázaro Ramos lavou um copo de beber suco alguns minutos atrás, fala do passado íntimo de Elisabetta, falando dela como ex-namorada de George Clooney e de Reginaldo. Se o seu título é profundamente machista, seu corpo tem importância zero para a sociedade.

A divulgação da matéria no Facebook foi essa pérola acima, exibindo a atriz e apresentadora como se fosse um “lindo troféu” que Reginaldo “ganhou” como “conquista” no passado e, com omissão do seu nome, dizendo que ela foi “uma das conquistas” do atacante vascaíno.

Esse é o famoso “jornalismo punheteiro“, profundamente machista, feito apenas para homens héteros e com propósito unicamente erótico, nada ético e sem qualquer intuito informativo.

imagrs

1 comentário(s). Venha deixar o seu também.

~epix

junho 15 2013 Responder

Simplemente escroto…

Sua opinião é bem vinda, desde que respeitosa. Fique à vontade para comentar abaixo