22

fev14

Padre Marcelo Rossi culpa “ausência de Deus” por pessoas terem depressão, ansiedade e angústia

padre-marcelo-de-novo

Aviso: Este post não é uma página do site oficial de Padre Marcelo. E a caixa de comentários daqui não são um canal de comunicação com ele. Se você chegou aqui na intenção de mandar uma mensagem de apoio ao padre pelos problemas que ele tem passado, envie pelo site oficial dele.

Editado em 12/10/14 às 20h30. O título foi modificado para que não se pense que a “depressão, ansiedade e angústia” seriam dele – quando na verdade ele se referiu a pessoas “sem Deus”.

A guerra do Padre Marcelo Rossi contra a descrença em Deus continua. No artigo de hoje da sua coluna no portal O Tempo, intitulado “A calma e a clareza vêm de Jesus”, ele deu um intervalo às acusações contra a “ausência de Deus” por causar a violência urbana e passou a associá-la ao transtorno de ansiedade e à depressão. E coloca a crença na divindade de Jesus como “única cura” desses problemas.

Ele afirma em seu texto:

[…] A ansiedade nos tira a paz, o sossego e a serenidade. Nos tira o sono, a consciência e a clareza que precisamos para tomar nossas decisões.

Tudo isso, somado à ausência de Deus em nossas vidas, nos traz a angústia, a depressão e até a vontade de morrer. E só nós mesmos podemos travar uma luta interna, mental, buscar com mais força Jesus em nossos corações e vencer a ansiedade. Tenha a certeza de que apenas a mão bendita de Cristo pode nos livrar desse mal.

A seguir, ele frisa:

Apenas a clareza de Jesus pode nos devolver a calma e a lucidez, que são fundamentais para o nosso crescimento. Por tudo isso, vamos juntos pedir a Deus que nos deixe seguros em seu colo e confiar que estaremos libertos desses distúrbios.

Padre Marcelo mais uma vez se exibe um formador de opiniões preconceituoso e irresponsável. Depois de, não averiguando as causas socioeconômicas, políticas e culturais da criminalidade no Brasil, insinuar que não cristãos são responsáveis por serem ao mesmo tempo os culpados e as maiores vítimas da violência, agora se comporta como um “psiquiatra a mando de Deus”, diagnosticando como causas da depressão os sintomas do transtorno de ansiedade e a não crença em Deus e nos dogmas cristãos e prescrevendo como “tratamento” a conversão incondicional à religião cristã.

Agora são dois os temas discursivos usados pelo padre para fazer apologia ao preconceito contra ateus e outros não cristãos: a violência urbana e a ansiedade patológica. Isso merece protestos por parte de quem não compartilha das crenças dele. Comentar no artigo em questão é uma das maneiras de protestar e também de exigir que ele ao menos explique o que para ele seria a “falta de Deus”.

imagrs

76 comentário(s). Venha deixar o seu também.

Leonardo

agosto 18 2016 Responder

Comentário de pregação religiosa e extremamente desrespeitoso contra pessoas com depressão apagado. Este blog não aceita proselitismo religioso, nem tolera que uma doença como a depressão seja tratada como se fosse atrelada a questões de fé religiosa. RFS

Noemia Garcia Waughan

fevereiro 27 2016 Responder

Todos somos falhos,ninguém está acima do bem e do mal àquele que está em pé vigie para não cair,quando o eu se sobrepõe as fragilidades acontecem nos alertando sobre a humildade.

Sebastião Cândido

dezembro 26 2014 Responder

Na realidade quando esfriamos na fé e sentimos a ausência de Deus, ficamos sujeitos às obras do maligno. E comum as pessoas dizerem que esta cheia do Espírito Santo, muitas das vezes estão vivendo uma vida de tormentos e um verdadeiro fracasso. Falar em Deus, dizer que crê, isso e fácil, seguir a palavra de Deus e outra coisa, para você entender melhor na Bíblia diz, TIAGO – 2:19 – “Até os demônios crêem e tremem” em Deus, [Trecho irresponsável apagado. Não é admitido aqui dizer que crença religiosa é suficiente pra curar uma doença psiquiátrica como a depressão. RFS] Que Deus restaure a vossa saúde.

grace

dezembro 11 2014 Responder

Pe Marcelo foi infeliz no comentário, nós todos estamos sujeito a ter depressão, no mundo que nos vivemos ninguém está imune. mas podemos ser tolerante e ñ julgar e sim mandar energias positivas para pessoas q estão passando por essa doença e em cada oração q nós fizermos oferecer e pedir a Cristo q ajude às pessoas q estão com esse mal.

Jucileide bezerra de oliveira

outubro 29 2014 Responder

” MUITO BEM O QUE O PADRE MARCELO DEIXOU CLARO QUE A DEPRESSÃO SÓ ACOMETE PESSOAS QUE NÃO TEM DEUS NO CORAÇÃO! ELE FOI INFELIZ EM SEU COMENTÁRIO, EU TENHO DEPRESSÃO E NEM POR ISSO DEIXEI DE SER CRITÃ. A DEPRESSÃO É UMA DOR QUE NÃO DAR PARA SER EXPLICADA, SIMPLESMENTE É UM BURACO NEGRO DENTRO DE SÍ QUE TUDO AO SEU REDOR PERDE O SENTIDO DA EXISTÊNCIA, PERDEMOS A ALEGRIA DE VIVER E PRECISAMOS DA AJUDA DE DEUS E DOS MÉDICOS E MEDICAMENTOS PARA ALIVIAR ESTA DOR QUE DOI SEM DOER. É QUASE UM SÍNTOMA SEM CAUSA APARENTE, DO QUAL MUITAS PESSOAS INGNORANTES NÃO ENTENDERÃO E ATÉ VÃO NOS TAXAR DE PREGUIÇOSOS, CHORÕES. EU DIRIA QUE A DEPRESSÃO É UMA CICATRIZ NA ALMA! QUE JÁ EXISTIA E COM AS DIFICULDADES ENFRENTADAS NO DIA A DIA ELA VOLTA A SANGRAR, É UMA SENSAÇÃO MUITO RUIM SÓ SABE QUEM SENTE E QUE MUITOS IGUAIS AO PADRE MARCELO NÃO ENTENDEM! ACREDITO QUE AGORA O PADRE MARCELO VAI ENTENDER QUE NÃO É FALTA DE DEUS NO CORAÇÃO, SE NÃO ELE NÃO ESTARIA PASSANDO POR ISSO! ESTES “ RELIGIOSOS” SE ACHAM OS DONOS DA VERDADE, TODOS NÓS HUMANOS ESTAMOS NO MESMO BARCO, SOMOS FALHOS É CLARO QUE PRECISAMOS DE DEUS E DE REPOUSO PARA O NOSSO CORPO, E QUANDO NÃO RESPEITAMOS OS NOSSOS LIMITES

    Leonardo

    agosto 18 2016 Responder

    Religião não é solução pra uma doença como depressão. Respeite as pessoas que sofrem desse transtorno, não o reduzindo a uma questão de crença religiosa. Comentário de proselitismo espírita apagado. RFS

Conceição

outubro 24 2014 Responder

Já passei por tudo isto…. só entende o outro quando se sente na pele o que o outro ja viveu….e não era por falta de fé ou de religião, e realmente é um vazio total, ao ler um livro: Diário de Santa Faustina ela passou por isto, e chegava a pedir que o Senhor a levasse mas que ela não sentisse aquela dor, como posso dizer? Uma dor na alma…é mais ou menos isto, uma dor na alma…. mas depois que ficamos livres , vem uma força imensa, que nos torna capazes de lutar contra tantas coisas…Não queira viver isto para poder entender de repente quem esta ao seu lado precisando de uma palavra sua, de um abraço mas principalmente de um amor incondicional…..

Adriana de Alencar Freire

outubro 23 2014 Responder

Pe. Marcelo não está criticando ninguém, nem julgando ninguém! Também não está deixando de acreditar que fatores biológicos ou sócio/econômicos pode acarretar depressão e/ou ansiedade… Mas que, sobretudo, podem ser combatidos e vencidos pela fé em Deus. Igualmente, não está desmerecendo nenhuma ciência (medicina, psicologia, etc.); Ocorre que está falando de forma mais profunda, por acreditar (eu também acredito) que todo mal vem da ausência de Deus. Orar… orar… sem cessar! Esse é o melhor combate.

    Robson Fernando de Souza

    outubro 23 2014 Responder

    Não critica ninguém, só fala mal de quem vive, por descrença religiosa, “sem Deus”. Né mesmo?

Juliana Santos

outubro 23 2014 Responder

Sr. Robson Fernando de Souza,
O que há de tanta revolta em seu coração? Sou cristã e quero te dizer que amamos você independente de suas escolhas, crenças e opiniões. É seu direito. O que se fala de pessoas sem Deus não se refere aos ateus mas de pessoas que em algum momento da vida se desviaram da fé. Pessoas cristãs que deixaram de buscar a Deus e em algum momento da vida sentiram um vazio. Testemunho que tive depressão e no meu caso a cura veio sim de Deus. Sem nenhum medicamento. Desde que em mim a fé fez morada, desta enfermidade nunca mais adoeci.

elen

outubro 22 2014 Responder

Intolerância e ódio não tem nada a ver com o cristianismo, vê isso quem esta com seus olhos no homem q é falho, ser cristão é caminhar olhando para Cristo, que infinitamente tolerante, eu como cristã sei q não devo julgar um irmão q esta passando por problemas e sim orar por ele, e convido à fazer o mesmo.

DARYVALDI

outubro 21 2014 Responder

Deus mando seu filho ao mundo, para nos ensinar amar o próximo.

Lucineia. .

outubro 21 2014 Responder

Não somos melhor que ninguém p poder julgar …somos de carne e osso e todos fraquejamos ..o padre marcelo tbem e de carne e osso … o que aconteceu com padre só nos serve de lição !

ingrid boechat

outubro 20 2014 Responder

Pregação misturada com intolerância contra ateus apagada. Esse tipo de conduta fanática não é permitido por aqui. RFS

ingrid

outubro 20 2014 Responder

tomei um choque quando vi uma foto do padre,mais agora estou aliviada pois sei que nao é nada grave…… pois sei como ele é um homem abençoado.

anna luiza

outubro 20 2014 Responder

Concordo plenamente com o Padre Marcelo, apesar de nao ser catolica. Mas a religiao pouco importa, numa situaçao como essa. A falta de crença em Deus nos traz a fraqueza da alma….e com isso surgem doenças psicologicas, como a depressao, os traumas nao superados, a ansiedade. Essas doenças nao partem do nosso corpo fisico e sim do nosso espirito. Eh claro que o tratamento medico, utilizando-se medicaçoes prescritas por psiquiatras e psicologos ajudam e muito no tratamento.dessas doenças….mas se nao houver a reforma intima, elevando-se o seu espirito a Deus, o tratamento medico, por si somente, nao trara resultados efetivos! As pessoas sem Deus e que possuem essas doenças fazem o tratamento com remedios fortissimos e quando o tratamento chega ao fim (retirada do medicamento), em pouco tempo, os sintomas voltam todos!
Qdo se cre em Deus e qdo, principalmente, compreende-se um pouco que seja a grandiosidade Dele, estar-se-a, livre das doenças da alma…

    Robson Fernando de Souza

    outubro 20 2014 Responder

    “As pessoas sem Deus e que possuem essas doenças fazem o tratamento com remedios fortissimos e quando o tratamento chega ao fim (retirada do medicamento), em pouco tempo, os sintomas voltam todos!” – Vc tem provas disso? (Relatos pessoais sobre você ou outras pessoas não são uma prova válida, pois caracterizam falácia de evidência anedótica)

FERNANDA

outubro 20 2014 Responder

Eu tive e ainda sofro de depressão e concordo com o padre Marcelo Rossi que essa doença é pura” falta da presença de Deus” , sou evangélica e não fico fazendo acepção d pessoas ou religião , ele é um homem comum como qualquer outro e aquele que não reconhece que sem Deus não é possível estar saudável é tão ignorante qto o seu comentário sobre o padre Marcelo……ele tb pode se afastar da presença do pai , pois o único santo e perfeito se chama Jesus Cristo e ainda assim foi crucificado sem dó nem piedade……eu vou me curar dessa doença do espirito que logicamente afeta o fisico qd eu realmente estar mais perto do meu amado Senhor …….analisem seus atos e atitudes…sem mais

    Robson Fernando de Souza

    outubro 20 2014 Responder

    “aquele que não reconhece que sem Deus não é possível estar saudável é tão ignorante qto o seu comentário sobre o padre Marcelo” – Ou seja, ateus são pessoas ignorantes, é isso?

luiza

outubro 20 2014 Responder

Não achei que o Padre Marcelo foi preconceituoso, ele demostrou fraqueza como qualquer ser humano, ele tem o direito de ter seus próprios pensamentos. E, acredito também que a falta de Deus, é a origem de muitas doenças e de muito mal que acomete a todos nós.
Não é justo julgar o padre por ele querer ser magro, não é porque ele é padre que não pode ter a vaidade de um corpo sadio.
Quem somos nós para julgar alguém ???

Ele como todos tantos outros padres, são seres humanos como a todos nós, sujeitos a ter defeitos, qualidades, sonhos …

Fiquem todos na paz … e não vamos ser hipócritas, julgando os outros.

    Robson Fernando de Souza

    outubro 20 2014 Responder

    “E, acredito também que a falta de Deus, é a origem de muitas doenças e de muito mal que acomete a todos nós.” – Ou seja, você concorda que pessoas que não acreditam em Deus são propensas a mais doenças e à iniquidade, é isso?

Maria

outubro 20 2014 Responder

Alegrem-se com os que se alegram e chorem com os que choram.( Romanos 12:15 )
Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.(João 16-33)
SENDO ASSIM, É ÓBVIO QUE CRISTÃOS ESTÃO SUJEITOS À DEPRESSÃO, AFINAL A PESSOA SE ENCONTRA EM EXTREMO ESTADO DE DERROTA QUE A FAZ PERDER A CORAGEM E FAZ COM QUE FIQUE DEPRESSIVA .

malvina marcia

outubro 20 2014 Responder

Se todos tivessem o costume de ler a Bíblia teriam entendimento da vida e evitariam tanto problema tanta discussão. : O meu povo foi destruído por falta de conhecimento

William

outubro 19 2014 Responder

Eu não sou católico apostólico romano, mas eu entendi o que o padre quis dizer , ele não foi preconceituoso ao dizer ” falta de Deus” pois Deus é o doador da vida, uma pessoa que não esteja se relacionando com Deus como pode desfrutar de uma vida plena , não estou falando de bens materiais , estou falando da paz interior que excede todo entendimento, por exemplo: Como pode uma pessoa estar com uma enfermidade terminal e mesmo assim estar em paz e alegre? Mas Deus derrama paz e agreia sobre seus filho para passarem por qualquer situação sem se desesperar. Eu sou prova disso.

    Auro

    maio 3 2015 Responder

    Concordo. Uma opinião bem coerente.

Ramon

outubro 18 2014 Responder

Acredito que cada um deve viver aquilo que o faz sentir_se bem. A fé para cada pessoa e vivida e sentida de uma maneira diferente. Vejo os grupos religiosos seja qualquer que seja o credo como um apoio incondicional àqueles que necessitam de apoio psíquico e espiritual. Por outro lado vejo que outras pessoas podem ser pessoas de bem e amar os outros sem a necessidade de frequentar qualquer grupo religioso. A fé, a crença são manifestações individuais e cada ser pode ter uma vivência com uma entidade superior de maneira diferente não tendo necessariamente que estar em uma igreja para isso. Todos os seres vivos estão passíveis de adoecer, sofrer, ter uma crise qualquer. Doenças existem e todos estamos suscetíveis. Melhoras ao digníssimo padre Marcelo, seja qual for o mal que o aflige. Deus o abençoe.

mary

outubro 18 2014 Responder

No mundo tereis aflições,tende bom animo,EU VENCI O MUNDO,,,,,
Nunca DEUS se afasta de nós,e sim nós nos afastamos dele,acredito que independente de religiões,todo ser humano pecador,PADRE,BISPO,PAPA,PASTOR,não é DEUS,esse sim não
passaria por tal aflição,todos passamos pelo vale,mas sim só os fortes chegarão até o final,do
PÓ vinheram e do PÓ retornaram

Dalva Gasque

outubro 18 2014 Responder

Padre MARCELO É uma pessoa maravilhosa,,,,mas é humano ,sujeito a doenças sõ quem já passou por algo semelhante pode imaginar o que é a depressão ela mina todas forças ,,parece o fim da vida,nada tem significado e só com remédio e muita ajuda de DEUS podemos vence la

Catarina Cavalcante de Jesus

outubro 18 2014 Responder

Este blog não é o site de Padre Marcelo. Seu comentário direcionado a ele foi apagado, por esse motivo. Favor postar seu comentário no site dele: http://www.padremarcelorossi.com.br/
RFS

Nome (necessário)

outubro 17 2014 Responder

O padre só está dizendo que com Deus o caminho é mais fácil, sem ele tudo é impossível…e ele tem que falar daquilo que acredita mesmo, afinal mesmo doente continua sendo um padre e tbm tem direito de expressão. Desnecessário o autor desse texto perder tempo tentando criar polêmica sobre algo que uma pessoa que é tão amada e respeitada por muitos disse, sem ter a mínima consideração e até relevância pelo estado de saúde que ele se encontra. [Não preciso de divindade nenhuma fora das minhas crenças. Trecho de pregação impositora apagado. RFS]

    Robson Fernando de Souza

    outubro 17 2014 Responder

    Pois é, desnecessário denunciar gente que diz preconceituosamente que ateus não podem seguir nenhum bom caminho e que é “impossível” pra ateus viver bem, né mesmo?

Nome (necessário)

outubro 16 2014 Responder

Padre Marcelo!
Existe um vazio existencial dentro do ser humano, esse estado nos traz angustia, solidão e muita tristeza. Sei que o senhor conhece muito bem a palavra de Deus, e lá em Mateus: 10: 32 e 33, está a sua CURA, em nome de JESUS!

SILVANA OLIVEIRA

outubro 14 2014 Responder

eu sou fã da maneira que o PADRE.MARCELO ROSSI PREGA..
ELE EM SEUS HINOS DE LOUVOR
JA ME FEZ EMOCIONAR..
E TENHO POR ELE UM SACERDOTE DE DEUS..
UM HOMEM CRISTÃO…QUE MERECE TODO NOSSO RESPEITO E CARINHO
QUE JESUS NOSSO SENHOR CONTINUE ABENÇOANDO O PADRE MARCELO..AMÉM

Rafael

outubro 14 2014 Responder

A ausência de Deus é o mal de todas as coisas.

wilson rosa

outubro 13 2014 Responder

Comentário que mistura desrespeito, grosseria e pregação religiosa apagado. Respeite quem não acredita no mesmo que você e está fazendo um trabalho de denúncias de incitação ao preconceito. RFS

Teresinha

outubro 13 2014 Responder

Só Deus pode Julgar.O que devemos fazer é orar uns pelos outros…. o poder da oração é mais forte que qualquer mal ou doença. E quem foi que disse que os padres estão livres desses problemas.”No mundo haverás de ter aflições, mas coragem, eu venci o mundo”. Eu tenho um filho que tem depressão e já tentou o suicídio. Ninguém tá livre desse mal que é genético ou adquirido. Mas a nossas forças vem do Senhor Jesus é Ele que nos sustenta nas provações que nos santifica. O caminho da salvação passa pela cruz e humilhação. Deus já fez muio por ele e continua fazendo ele suportar o negativismo principalmente das pessoas maldosas onde pulsam corações de pedra. E se essa é a vontade de Deus, que ele seja forte… assim como foi Jesus Cristo.
Deus abençoe o Padre Marcelo Rossi.

    BELARMINA

    outubro 14 2014 Responder

    para teresinha meus parabens, pessoa do bem e de DEUS, a resposta dela me bastou para acreditar existe muita bondade no mundo…..DEUS TE ABENÇOE

Desregrada

outubro 13 2014 Responder

A parte irônica disso é que o padre hoje sofre de depressão e anorexia ????
E ainda confessou ser vaidoso em relação ao peso, sendo que a vaidade é um pecado capital ????

Maria

outubro 13 2014 Responder

Por um acaso ser padre ,não é antes de tudo um ser humano que se alimenta, dorme , adoece, sente tristeza ou alegria? ??? Que diferença faz? Em algum momento da vida qualquer pessoa tende a ter depressão, ansiedade e coisas desse tipo…acredito que a depressão é sim uma doença da alma e que ao se aproximarmos mais de deus , junto a medicina fará toda a diferença. ….Não adianta bater de frente com ateus , protestantes entre outras , pq cada um tem o seu próprio ponto de vista …sábias palavras do padre, sábio aquele que entendi o que ele repassou…maior preconceituoso realmente é o autor do texto. ..OBS:cada um que tente se livrar desse mal, pq só sabe o que é, quem já passou. ..e num mundo em que vivemos nessa correria diária, uma hr o organismo pode não aguentar…

    Robson Fernando de Souza

    outubro 13 2014 Responder

    De fato, o maior preconceituoso é aquele que denuncia discursos de discriminação contra pessoas não cristãs, principalmente ateístas, afinal, todo mundo tem o direito de discriminar “pessoas sem Deus” em seus discursos, né mesmo?

mariananovais

outubro 11 2014 Responder

Depressão não tem nada a ver com ausência de Deus.É uma enfermidade que precisa ser tratado, por um profissional. Nos momentos de ansiedade a pessoa não responde por si .É muito sério, e o padre precisa de Jesus e do Psiquiatra também.

    roseane souza

    outubro 18 2014 Responder

    Assim como nos julgamos, seremos julgados!!

    Auro

    maio 3 2015 Responder

    Concordo. Acho que deva ser tratada com médico. Mas acredito que o poder dá fé, a oração tb podem ser grandes aliados

Carlos

outubro 11 2014 Responder

Gente, sempre acreditei que a tábua de salvação para qualquer mal seria Deus, Jesus Cristo, e etc. Para mim, se um dito homem de Deus como Padre Marcelo Rossi entra em depressão, então, em quem ele deve se agarrar. ..Ou voce é ou não é. [Depressão é uma doença, e seus portadores merecem respeito e compreensão. Trecho preconceituoso apagado. RFS] E se Deus é amor Padre marcelo não tem Deus no coração.

    Aro

    maio 3 2015 Responder

    Padre Marcelo é padre. acredito que tem Deus no coração e também é um ser humano cheio de falhas. Ninguém tem Deus no coração em todos seus atos. Se tivesse não seria homem. Seria um ser perfeito. Acho que todos somos pecadores e estamos longe da perfeição

Luiz claudio moerelli junior

outubro 11 2014 Responder

Depressão não é “coisa pra fracos”. Respeite as pessoas portadoras dessa doença. Comentário desrespeitoso apagado. RFS

    luiz claudio morelli junior

    outubro 13 2014 Responder

    bem na minha opniao e para os fracos e ponto.

      Marcelo

      dezembro 6 2014 Responder

      Andre A sua ignorancia o leva a ter posicoes sem nenhum embasamento. Para se formar razao eh necessario fazer uso dela. Para os q sao desprovidos dela assim como voce recomendo muita leitura para que possa aprimorar seu lado cognitivo. Caso pense nao precisar te desejo uma forte depressao em sua vida, para que possa se auto julgar como fraco! E se fraco realmente for o doenca ganhara a posse do teu destino e da tua vida.
      Portanto a escolha é sua, espero que escolha o caminho sem dor.

        Marcelo

        dezembro 6 2014 Responder

        O texto acima eh em resposta ao luiz claudio morelli junior e nao ao andre

André

outubro 11 2014 Responder

Você até sabe o que é falta de DEUS, mas não crê para aceitar. Então de que adiantaria lhe explicar!?

conceiçao

outubro 10 2014 Responder

E jesus,ouvindo isso,disse :esta enfermidade nao e para morte ,mas para gloria de DEUS,para que o filho de de DEUS seja glorificado por ela….E padre marcelo receba a visita de Deus..amem..e o satanas espera por vcs ….

Glória

outubro 4 2014 Responder

O único preconceituoso q enchergo aqui é o autor do texto.

    Robson Fernando de Souza

    outubro 4 2014 Responder

    Afinal, o autor do texto incide em preconceito contra quem só queria mesmo ter o direito de ofender ateus e outras pessoas não cristãs, né mesmo?

lucivania

outubro 2 2014 Responder

O padre Marcelo dentre outras dezenas de religiosos fazem um trabalho lindo em relação a acalmar o coraçao dos que creem já que os politicos e as autoridades que deviam nos dar segurança, NÃO ESTAO NEM AI, passam 4 anos elaborando um lindo dircurso para falar e repetir durante 60 dias de campanha. QUE NASÇAM MAIS MILHARES DE MARCELOS ROSSI, MANZOTI, DE MELO, CRIVELA……. E OUTROS TANTOS

    Robson Fernando de Souza

    outubro 2 2014 Responder

    E que preguem o preconceito contra pessoas não cristãs e, como no caso de Marcelo Crivella, a violação do Estado Laico e da liberdade religiosa. É isso?

lucivania

outubro 2 2014 Responder

O que tem de errado nas palavras desse padre?? esta direcionado ao povo que crer na mesma religiao dele, ouis que ao menos crer em Deus! preconceituosa é atitude de quem faz uns comentarios deste tipo? agora tambem crer em Deus e solicitar a presença dele em nossas vidas, tambem é um gesto de preconceito com os que nao creem?? ha… me poupem, daqui a pouco não podemos mais nem abrir a boca pq tudo que falamos se existe uma pessoa que discorda, torna-se preconceito com aquela pessoa!!!! sem palavras

    Robson Fernando de Souza

    outubro 2 2014 Responder

    Nossa, já não se pode nem mais dizer que pessoas que “não têm Deus” como os cristãos são tendentes à depressão, ansiedade e outras doenças… Né mesmo?

    Adriana de Alencar Freire

    outubro 23 2014 Responder

    Lucivânia, gostei da sua colocação: “…agora tambem crer em Deus e solicitar a presença dele em nossas vidas, tambem é um gesto de preconceito com os que nao creem??” , nota 10 pra você!

Juliana

setembro 30 2014 Responder

Pregação religiosa apagada. Proselitismo não é permitido aqui, respeite nosso direito de continuarmos com nossas (des)crenças. RFS

MARIA

setembro 30 2014 Responder

Pregação religiosa apagada. Proselitismo não é permitido aqui, respeite nosso direito de continuarmos com nossas (des)crenças. RFS

Maristela

setembro 28 2014 Responder

Não vejo nenhum absurdo no que P. Marcelo disse,,, Ele é padre, é normal que pregue a religião dele… Ele está doente e precisa de muita oração… Vamos respeitar a opinião do proximo, porque hoje em dia temos até medo de nos expressar ou discordar com algum assunto porque dizem logo que é PRECONCEITO………..

    Robson Fernando de Souza

    setembro 29 2014 Responder

    Você se refere a respeitar discursos de preconceito contra ateus?

Maristela

setembro 28 2014 Responder

Não vejo nenhum absurdo que P. Marcelo falou…. Ele é padre, é normal que pregue a religião dele… Ele está num conflito interno muito grande e precisa de muita oração!!! Vamos respeitar a opinião do próximo, senão vamos acabar ficando com medo de nos expressar porque tudo que discordamos hoje em dia é preconceito…

Dora.

setembro 28 2014 Responder

Pregação religiosa apagada. Respeite nosso direito de continuarmos em nossas (des)crenças religiosas. RFS

Zenaide

setembro 2 2014 Responder

“Comentar no artigo em questão é uma das maneiras de protestar e também que ele ao menos explique o que para ele seria “falta de Deus”. Ele, o padre Marcelo Rossi é a própria imagem da “falta deDeus”. É um poço de incoerência. Está mais longe de Deus que os ditos ateus. O Padre Marcelo precisa de tratamento psiquiátrico. É perigoso. Ele usa das situações para esconder a sua ruína.

    milce mendonca

    outubro 27 2014 Responder

    Fácil falar quando se esta fora, não acha?

Regina

setembro 1 2014 Responder

Deus é amor, Jesus apenas pregou o amor….claro que o vazio que as vezes se sente dentro do peito a vontade de morrer é sim o vazio existencial que só Deus pode preencher! É uma busca continua….

José Flausino

agosto 24 2014 Responder

Não vejo erro nas declarações do Padre Marcelo Rossi. Jesus só pediu que amemos o próximo como a nós mesmos. Se fizéssemos isso, obviamente ninguém teria depressão e outras doenças do gênero.
Alguns homens usam o Cristianismo para matar, explorar, etc. Mas Jesus nunca pediu ou ordenou ao homem fazer coisas ruins e até morreu pela humanidade, não é?

    Robson Fernando de Souza

    agosto 25 2014 Responder

    Amar ao próximo como a nós mesmos = eliminar a “ausência de Deus” (ou melhor, da crença em Deus)?

José Flausino

agosto 24 2014 Responder

Não vejo erro nas declarações do Padre Marcelo Rossi. Jesus só pediu o próximo . Se fizéssemos isso, obviamente ninguém teria depressão e outras doenças do gênero.

Sol

agosto 15 2014 Responder

Ô querido que escreveu o comentário final: você vai protestar o que? Se você tem o direito de não crer em Deus e em Jesus, o Pe. Marcelo tem o direito de crer. Esse negócio de preconceito já está virando palhaçada. Você é um cristãofobia neste caso, também iremos processar quem não crê em Deus!!!!! Está percebendo a linha tênue dessa palhaçada de nomear tudo como preconceito e fobia????!!!!

Adriano

julho 29 2014 Responder

Sejamos tolerantes !!!!

solange

julho 23 2014 Responder

JULGAR , APONTAR, FAZER APOLOGIA DAQUILO QUE NAO SE SABE É OQUE FAZ MUITA GENTE AO SE DEPARAR COM AS CIRCUNSTANCIA QUE CRITICAVA SE SENTIR PERDIDA E LONGE DE DEUS SE CRISTAOS ! NAO TENHO NADA CONTRA O PADRE MARCELO ROSSI POREM SENTIR NA PELE O QUE NAO SE ESPLICA SE APRENDE A ARTE DA HUMILDADE, APRENDENDO QUE TODOS SOMOS IGUAIS E QUE DEUS N AO ESTA LONGE DE NINGUEM MESMO. COMPREENDAMOS AS DIFERENÇAS MESMO QUE NAO CONCORDAMOS, SEJAMOS BUDISTAS ESPIRITAS O SEI LA EU! SO U CRISTA E TENHO DEPRESSAO CRONICA E FICO MUITO CHATEADA COM PESSOAS QUE ME TRATAM DE FORMA ANORMAL, TENHO UM DOENÇA SIM MAS NAO TEM NADA HAVER COM AUSENCIA DE DEUS SE ASSIM FOSSE NAO TERIAMOS O NUMERO DE PADRES COM TAL,, INCLUINDO P.MARCLO GRATA PELA OPORTUNIDADE.

Alexandte

julho 20 2014 Responder

Minha gente o que falar e fazer o bem up elo menos não fazer o mal.isso independente de religião. O citado padre, independe de sua crença precisa de apoio, sofre de um grande mal.

Todos juntos independentes de credo e melhor

fatima

junho 5 2014 Responder

Mas os covardes, os incrédulos, os depravados, os assassinos, os que cometem imoralidade sexual, os que praticam feitiçaria, os idólatras e todos os mentirosos – o lugar deles será no lago de fogo que arde com enxofre. Esta é a segunda morte”.
Leia o capítulo completo: Apocalipse 21

    Robson Fernando de Souza

    junho 6 2014 Responder

    Uma grande razão pra muita gente não ser cristã e acreditar que “a religião” é um poço de intolerância e ódio.

Sua opinião é bem vinda, desde que respeitosa. Fique à vontade para comentar abaixo