13

mar15

40 pérolas preconceituosas da página facebookiana da ATEA

perolas-da-atea

Editado em 23/03/15 às 06h30

TW (aviso): Diversas pérolas contêm preconceito explícito ou velado contra pessoas religiosas; zombaria ofensiva contra religiões e suas divindades, principalmente contra o Deus cristão; machismo; elitismo e preconceito linguístico. O Consciencia.blog.br não só discorda das imagens, como repudia e responde muito criticamente a cada uma delas.

Clique aqui para ir direto às pérolas caso não queira ler a introdução

Obs.: Este post é uma crítica de ateu para (neo)ateus. Não são bem vindas pregações religiosas nem comentários preconceituosos contra ateus.

Uma das páginas mais controversas do Facebook no Brasil é a da ONG Associação Brasileira de Ateus e Agnósticos – ATEA. Essa entidade se propõe a lutar contra o preconceito contra ateus no Brasil, pelo respeito à laicidade do Estado e pelo devido respeito à liberdade dos ateus de não ter uma religião e não acreditar em uma divindade. Mas tem incidido numa militância que atenta contra essas bandeiras.

A ATEA é um dos maiores veículos de difusão do neoateísmo – corrente ateísta que critica pesadamente as religiões e acredita que o mundo seria melhor se elas em geral deixassem de existir – no país. E nessa condição, tem propagado imagens de apologia e incitação ao preconceito contra pessoas teístas e religiosas e lançado críticas difamatórias às religiões em geral – como se todas as religiões e vertentes religiosas sem exceção fossem fundamentalistas, violentas, discriminatórias e promotoras do fanatismo.

Uma outra característica bem comum na pregação (sic) neoateísta promovida na página da ATEA é o cientificismo, a crença na superioridade ou exclusividade da ciência como “conhecedora e reveladora da verdade” e em mitos como a incapacidade de cientistas de usar a ciência para fazer o mal e a (quase) impossibilidade de outros veículos do saber humano (religião, artes, sabedoria popular etc.) de descobrir e declarar verdades. A ciência e a razão, pelo que o neoateísmo cientificista “ateano” prega, deveriam substituir a religião em tudo – inclusive, contraditoriamente, sendo exaltadas como se fossem integrantes de uma religião não teísta, quase como o positivismo chegou a fazer no século 19.

No final das contas, neoateus como os gerenciadores da página da ATEA não estão se comportando de maneira tão diferente assim dos religiosos fervorosos, e algumas vezes podem ser comparados aos fanáticos. Neoateístas e religiosos fanáticos se assemelham em separar a humanidade em “certos” e “errados” – dividindo o conhecimento humano em “ciência/razão do bem” X “religião do mal”, tal como fundamentalistas religiosos fazem em sentido oposto -, em adotar um cânone sagrado e exaltável de conhecimento (no caso dos neoateus, a ciência), em promover preconceito contra quem tem crenças diferentes, em adotar uma entidade “salvadora” e “libertadora” “solução de todo o mal” (a ciência, no caso desses antirreligiosos), entre outras características em comum.

É válido dizer que esse neoateísmo agressivo, incitador explícito do fanatismo antiteísta e do preconceito contra pessoas que têm religião e acreditam em Deus(es), tem feito um notável desserviço à causa ateísta da luta contra a ateofobia (preconceito contra ateus) e pela liberdade de crença e descrença.

Como ressaltei diversas vezes na série de posts Desmentindo imagens antirreligiosas preconceituosas, postada entre 2012 e 2013, essa antirreligiosidade preconceituosa tem dado “razão” para que muitos religiosos comecem ou continuem a ter preconceito contra ateus. Pelas pregações neoateístas, estão sendo induzidos a crer ou “confirmar” que ateus são pessoas arrogantes, inimigas hostis da religiosidade alheia, preconceituosas e intolerantes contra quem tem crenças religiosas, abusadoras das liberdades de crença e descrença e de expressão. E isso tem sido um sério problema, atrasando bastante e ameaçando de retrocesso a luta dos ateus pelo fim do preconceito ateofóbico.

E de 2012 para cá, isso não mudou em nada em se tratando da ATEA. A mesma postura de promover um neoateísmo preconceituoso, intolerante e fanaticamente cientificista continua de pé, apesar de todas as críticas recebidas pela ONG em todos esses anos.

E esse neoateísmo espinhoso e nocivo é denunciado mais uma vez aqui no Consciencia.blog.br, que traz neste post 40 pérolas, devidamente respondidas, do preconceito antirreligioso e cientificista promovido pela página dessa entidade no Facebook.

Aos religiosos, peço que, ao terminar ou interromper a leitura deste post, não venham a crer que todos os ateus concordam com essas pérolas. Muitas pessoas do meio ateísta, como eu, discordam muito, senão completamente, de cada uma delas, e acham-nas um grave desserviço na luta dos ateus humanistas pela liberdade e contra o preconceito. E pensam que a crítica às religiões e seus abusos não deveria passar pelos insidiosos recursos da zombaria gratuita e desnecessária, da exaltação à ciência e à razão a níveis de fervor religioso e da incitação ao preconceito contra pessoas religiosas e suas religiões.

Enfim, vamos às pérolas e suas respostas.

***

perola-1-xingamento

“Defender a liberdade de (des)crença” e “lutar contra o preconceito” xingando a divindade alheia, provocando revolta de graça e fazendo religiosos terem ainda mais preconceito contra nós? Sim, trabalhamos com isso.

***

perola-2-sodeuspodemejulgar

Vou “brincar de Deus” por um instante e julgar o autor da imagem: você é machista.

***

perola-3-proibeoamor

Toda e qualquer religião proíbe as pessoas de amarem umas às outras. Fontes dessa importante constatação: Enciclopédia das Generalizações Apressadas e livro “Como descontextualizar regras morais antigas e transformar ditames das seitas fundamentalistas de algumas religiões em regra geral e global de todas as milhares de denominações religiosas do planeta”.

***

perola-4-fitinhacolorida

“Católicos são ignorantes e desinteligentes. Quem usa fitinhas religiosas evocando santas e santos é necessariamente estúpido e ignorante.” Yeah, com essa frase eu estou defendendo a liberdade dos ateus de não crer na religião hegemônica e o fim do preconceito contra os mesmos.

***

perola-5-danoaocerebro

O que vamos usar hoje pra defender a liberdade de descrença dos ateus? Dizendo preconceituosamente que “pessoas religiosas têm danos cerebrais por terem religião”.

***

perola-6-melhorcaminho

Religiosos, abandonem suas divindades sobrenaturais e aceitem a Sagrada Ciência como o arauto supremo da verdade. A Ciência é o Caminho, a Verdade e a Vida e deve ser aceita como nossa senhora e salvadora.

***

perola-7-mordidoporumcrente

Porque religião é uma doença transmitida por mordidas, e religiosos são pessoas que tratamos preconceituosamente com animalização maliciosa. Não é o máximo?

***

perola-8-religioff

Doutrinas políticas extremistas? Interesses econômicos movendo máquinas militares? Uso da ciência e tecnologia pra sofisticar e potencializar guerras? Pra que temos que pensar nisso quando podemos muito bem fantasiar e imaginar que o mundo sem a existência das crenças religiosas seria um lugar sem violência e terrorismo?

Pérola respondida com mais detalhes nesse post

***

perola-9-manto

Sabe o que, segundo a imagem deixa a entender, fazemos com quem divulga novas crenças sobrenaturais e espirituais nas quais não há milhões de pessoas acreditando? Chamamos o indivíduo de louco, do alto de nosso capacitismo, e desejamos sua internação em manicômio.

***

perola-10-paraquemnaosabeounaoquerpensar

Afinal, pessoas religiosas não querem nem sabem pensar. Já eu não quero pensar que:
– Descartes ligava sua teoria filosófica da ciência com suas crenças cristãs
– Newton esboçou teorias teológicas e escatológicas cristãs
– Gregor Mendel (o pai da Genética) era monge agostiniano
– Aristóteles e os neoplatonistas foram precursores de parte da teologia cristã
– os iniciados de religiões de mistério egípcias influenciaram a filosofia grega em sua origem
– pensadores muçulmanos medievais trouxeram valiosas contribuições pra ciência
– a esquerda política brasileira deve parte de seus ideais à Teologia da Libertação
– o ambientalismo tem incontáveis pessoas que fundem suas crenças religiosas com os ideais ecológicos
– e eu estou sendo grosseiramente preconceituoso contra pessoas religiosas.

***

perola-11-preconceitolinguistico2

Resposta à mensagem pintada na porta: os neoateus adeptos do preconceito linguístico.

***

perola-12-voarrumoaedificios

Porque fundamentalismo islâmico dotado de fundo político = todas as correntes e denominações religiosas do mundo. Por que discutir com seriedade a relação entre imperialismo militar, político e econômico estadunidense e europeu e extremismo islâmico quando podermos simplesmente reduzir todas as crenças religiosas do mundo a uma única denominação religiosa fundamentalista e ultraviolenta e, assim, dar por resolvida a questão?

Pérola similar respondida aqui

***

perola-13-federrubaedificios

Já a fé de muitos neoateus no preconceito contra pessoas dotadas de fé religiosa derruba a honestidade intelectual, a possibilidade de diálogo e debate amistoso entre pessoas de crenças diferentes e o ideal de um mundo abraçado pela tolerância religiosa e pelo respeito às diferenças e às liberdades.

***

perola-14-assembleia

E aí, vamos hoje de preconceito (ir)religioso e ridicularização especista contra mulheres evangélicas?

***

perola-15-ciencia-x-religiao

A “mentalidade ATEA de preconceito religioso” iria entrar em parafuso se colocássemos, à esquerda, ilustrando a “Ciência”, um vivisseccionista torturando um chimpanzé ou Edward Teller, pai da Bomba H, e, à direita, ilustrando a “Religião”, Martin Luther King, Malcolm X, Desmond Tutu ou Zilda Arns.

***

perola-16-eusigoarazao

Me arrogo racional, mas tenho forte e fervorosa fé na razão e ignoro a existência da razão instrumental. Falo mal da fé alheia mas sigo nada além de uma fé diferente.

***

perola-17-millor

Afinal, crer em divindades é coisa de gente imbecil e trouxa, como consentem esses “bravos lutadores contra o preconceito”.

***

perola-18-filhodomedoedaignorancia

Quem precisa estudar Antropologia e compreender o fenômeno da crença religiosa quando se pode, muito bem, por medo e ignorância acerca das religiões, rebaixar a religião a algo essencialmente maligno?

***

perola-19-causanumeroumdeguerras

Fonte: Enciclopédia Neoateísta das Crenças Preconceituosas e das Estatísticas Inventadas

***

perola-20-cadeirasdeplastico

Vi o neoateu autor da imagem vomitando preconceito contra religiosos misturado com elitismo e pensei: “Esse aí não tem o que fazer não?”

***

perola-21-buracodaidadedastrevas

Porque a ciência sempre foi a mesma em 5 mil anos, nunca mudou de conceito nem de base filosófica, e sempre avançou de forma linear – exceto na era cristã medieval, quando não existia nenhum pensador medieval contribuindo pra ciência de sua época. E não devemos nos esquecer: só existiram cinco civilizações em toda a história da humanidade – egípcia, grega, romana, cristã e “pós-cristã” –, e elas se transformaram uma na outra linearmente, parecido com quando a civilização que você controla avança de era em Age of Empires e Civilization.

Pérola respondida com mais detalhes por esse post

***

perola-22-feitosparapensar

Incluindo neoateus que “pensam” que toda pessoa religiosa é ignorante, estúpida, desinteligente e trouxa; que não existia ciência na Idade Média cristã e islâmica; que um mundo sem religiões é um mundo sem nenhum motivo pra existir violência; que a ciência é “o caminho, a verdade e a vida” e “(quase) não há verdade fora dela”; que a mesma ciência é incapaz de ser usada pra propósitos destrutivos e opressores; que não existem ideologias políticas opressoras não associadas a religiões; entre outras “maravilhas do pensamento”?

***

perola-23-iceberg

Bom dia, galera. Vamos hoje, mais uma vez, de extrapolar tudo o que há de ruim no fundamentalismo religioso a toda e qualquer crença religiosa e invisibilizar o que há de bom nos ensinamentos ético-morais trazidos pelas religiões?

Pérola respondida com mais detalhes nesse post

***

perola-24-pedras

Boa tarde, galera. Hoje a gente vai aprender que a ciência é, pro indivíduo neoateísta que fez a imagem, o Bem Supremo que deverá triunfar, enquanto a religião é o Mal Supremo que deverá ser derrotado. E o melhor de tudo da aula de hoje é que vamos ver o neoateu em questão agindo igualzinho a um religioso fundamentalista que usa a expressão verbal e gráfica pra expressar seus preconceitos.

***

perola-25-preconceitolinguistico1

Boa noite, galera. O que acham de hoje a gente combater o preconceito contra não cristãos usando de preconceito linguístico contra quem não obedece rigidamente à norma culta do português?

***

perola-26-preconceitolinguistico3

“Pesadelo de crente”, o sonho molhado de quem não dispensa um preconceito contra religiosos misturado com preconceito linguístico.

***

perola-27-errodedeus

Porque eles, os teístas, estão errados. Nós estamos certos. E reclamamos de quem usa sua religião como pretexto pra separar a humanidade em pessoas “certas” e pessoas “erradas”.

***

perola-28-eujaconhecoasreligioes

Nunca li um livro de Antropologia – que me daria dicas sobre as razões de existir das religiões e os fundamentos culturais e sociais das crenças e rituais religiosos –, nem procurei saber o que cada religião tem a oferecer à Ética e à Filosofia, nem fui atrás de saber a opinião dos religiosos moderados e das interpretações liberais de livros sagrados sobre o fundamentalismo religioso. E “sei” tudo o que “sei” sobre religião graças a páginas neoateístas preconceituosas. Mas declaro, estufando o peito, que “eu já conheço as religiões”.

***

perola-29-morreuporvoce

Carnismo zombando da miséria animal pra produção de carne pra falar mal de religião? Sim, nós trabalhamos com isso.

***

perola-30-soulivre

Afinal, a religião (porque é claro que toda e qualquer religião = fundamentalismo e fanatismo religioso) é o único sistema de crenças que deixa alguém mentalmente aprisionado. Esse negócio de ideologias políticas alienantes e escravizantes (capitalismo, militarismo, nacionalismo, fascismo, stalinismo etc.) non ecziste.

Ateus submissos à exploração capitalista, ao conservadorismo herdado da família e da mídia e ao militarismo são livres, enquanto teístas libertários de esquerda são prisioneiros. Não é o máximo?

***

perola-31-seacabandodeproblemas

Porque ateus não passam por problemas familiares, afetivos, psicológicos, de ordem política, financeiros etc. Não vejo por que dizer que “pessoas ‘com Deus’ também passam por problemas”, quando posso muito bem, ao invés, pregar preconceituosamente que “pessoas ‘sem Deus’ não sofrem problemas, mesmo de ordem não religiosa, enquanto teístas são sofredores sempre cheios de problemas na vida”.

***

perola-32-aquario

Não sabiam não? O ateísmo necessária e obrigatoriamente liberta as pessoas de seguir ideologias opressoras e alienantes, enquanto toda e qualquer crença e denominação religiosa aprisiona as pessoas numa minúscula gaiola mental. Não existem ateus alienados pelo conservadorismo, pelo capitalismo e pelo nacionalismo, nem pessoas religiosas adeptas de utopias de libertação sociopolítica da humanidade. Não acredito que vocês não sabiam dessas irrefutáveis verdades.

Pérola respondida com mais detalhes nesse post

***

perola-33-libertesuamente

Liberte sua mente. Faça como nós e adira ao “culto” à Razão – mesmo se ela descambar em razão instrumental – e à Ciência – mesmo se ela for defendida de maneira cientificista e mitificada. “Liberte-se” da religião teísta, aderindo à nossa semirreligião (neo)ateísta.

***

perola-34-menosacreditaembobagens

É claro que, entre essas bobagens, não estão incluídas a crença na ciência como “arauto da única verdade”, a ignorância sobre a existência da razão instrumental, a santificação de cientistas como pessoas incapazes de usar a ciência pra fazer o mal, as generalizações preconceituosas contra religiosos, a divisão do conhecimento humano entre “ateísmo/ciência/razão do bem” e “religião/teísmo do mal” etc.

***

perola-35-deusquisassimamem

Extensas narrativas mitológicas? Bah! Icso non ecziste! “A religião” explica a realidade dizendo nada além de “Deus quis assim” (afinal, toda e qualquer religião é monoteísta e chama a divindade de Deus).

Pérola respondida com mais detalhes nesse post

***

perola-36-naosejaumseguidor

Não sabia? O ateísmo torna o indivíduo imune a crenças laicas opressoras, preconceituosas e alienantes. Não existem ateus machistas, heterossexistas, transfóbico, racistas, especistas, reacionários, militaristas, moralistas, defensores acríticos do capitalismo etc. Mesmo que as páginas e fóruns neoateístas provem que gente desse tipo existe sim.

***

perola-37-religiao-x-ciencia

Bom dia, irmã(o). Gostaria de dedicar cinco minutos do seu dia pra ouvir a palavra da nossa Sagrada Ciência, com toda a glorificação e mitificação da Sagrada Ciência e demonização da “adversária” Religião?

Pérola respondida com mais detalhes por esse post

***

perola-38-chaveateista

“A religião aprisiona, mente, mata e destrói. Aceite o ateísmo como seu salvador e você ganhará a libertação e a salvação.” Troque “a religião” por “Satanás” e “o ateísmo” por “Jesus” e experimente a sensação.

***

perola-39-filhodasestrelas

Porque a única coisa que pode aprisionar um ser humano é a religião (qualquer religião, mesmo as liberais que conciliam razão e fé e repudiam intolerâncias). Esse negócio de opressão política, social e econômica non ecziste.

***

perola-40-cienciafunciona

Portanto, rejeite essa religião de crenças erradas e aceite as crenças certas da Ciência. E não me pergunte se tô agindo igual a um religioso preconceituoso que chama outras religiões de “crenças falsas e demoníacas”.

imagrs

14 comentário(s). Venha deixar o seu também.

Cristian

agosto 15 2016 Responder

Mto engraçado os memes, se acham que foi alguma ofensa só pedir para Jesus vim reclamar aqui ou abrir um processo contra eles, caso contrário parem de tomar as dores dele. E muitos aí são pura verdade!!

    Robson Fernando de Souza

    agosto 16 2016 Responder

    “caso contrário parem de tomar as dores dele.” – Não, obrigado. Este blog não aceita ordens e ditames vindos de comentadores que acham que podem controlar as pautas e bandeiras que eu defendo.

Julio Salomão

julho 8 2016 Responder

Veja bem, concordo em partes. Vejo sim algumas postagens agressivas, mas não todas. Devemos observar o que é humor e o que é ser formador de opinião. A página não é voltada a religiosos e sim à ateus. Vou te dar um exemplo: não gosto do humor do Gentilli, então não assisto o programa do Gentilli. Não vou por isso querer censurar.
Outro ponto importante, vejo distorções também em seus comentários. Vale lembrar que a filosofia socrática e helenística foram em verdade contrárias à religião existente e suas reflexões foram apropriadas pelas religiões e não o contrário. Haja visto que os gregos não tiveram cultura monoteísta alguma mas os cristãos, principalmente, se apoderaram de diversas reflexões platônicas ou aristotélicas principalmente por Agostinho e Tomás de Aquino.
Mais um ponto, considerar que o fundamentalismo (leia fundamentalismo) religioso e falta de laicidade não atrapalham o desenvolvimento científico beira o absurdo! Obviamente a ciência, assim como a filosofia, não foram abandonadas na idade média, mas tiveram uma grave diminuição de seu progresso (apesar de nao existir progresso na filosofia, mas foi restrita ao cristianismo).
Além do mais falamos basicamente da nossa sociedade ocidental, não vejo muito de culturas orientais por aqui. Por isso o fico em idade média e sociedade judaico cristã.
Outro ponto eh desconsiderarmos grandes filosofos apenas porque discorda, assim como Nietzsche. Dentro da constituição da moral na pós modernidade se não falar de Nietzsche, não se compreendeu nada. Assim como Sartre, Foucault e por aí vamos. Se não pudermos desmistificar a moral religiosa e conduzir uma moral racional, não sei o que estão fazendo os maiores IHDs do mundo.
Ao final concordo que não se deva haver agressões, assim como achei uma agressão o que fizeram páginas religiosas com aquela transexual na parada gay encenando a paixão de Cristo. E o que fazer com isso? Exatamente entender qual o seu espaço. Se não gosta, não curta, não compartilhe. Honestamente achei engraçada aquela de quem morreu por você, entretanto não vou compartilhar por achar agressivo e um cristão não deveria estar nessa página.
Sei que você eh ateu, entretanto não vejo tantos problemas assim. Pegar o fim das religiões não é meu papel como ateu e professor, pelo contrário, prego tolerância, respeito e gentileza. Mas novamente, cada um tem seus espaços.

    Robson Fernando de Souza

    julho 8 2016 Responder

    Julio, concordo com vc (exceto na parte de tolerar discursos de preconceito simplesmente ignorando-os ao invés de repudiá-los). E o post não discorda de vc em nenhum ponto.

Lucas

junho 11 2016 Responder

Comentário criado por alguém que não me conhece – sequer sabe que sou ateu -, mas acha que pode falar bizarrices desrespeitosas por aqui, e apagado por mim. RFS

Derik

janeiro 26 2016 Responder

Pois é …… prefiro ficar com DEUS ……………………….aaaaaa …….e gosto de Ciencias pra xuxu.

zeca

dezembro 26 2015 Responder

“Sua opinião é bem vinda, desde que respeitosa…” kkkkkkkkkkkkk
Essa foi a única piada que realmente teve graça!

wander

abril 28 2015 Responder

por mais politicamente correto que tento agir , respeitando a fé alheia , fica insuportável assistir o uso da deficiencia intectual de grande parte da população , por verdadeiros estelionatários , criminósos ,que usam a religião para enriquecer .

Ace

março 24 2015 Responder

Ateísmo é uma postura filosófica que admite a crença na inexistência de divindades (Só isso). Mera descrença leva ao agnosticismo. Recomendo que mais ateus estudem o naturalismo metafísico. Abraços.

Bruno Gustavo Silva Passos

março 24 2015 Responder

Neo-ateus deturparam o significado da palavra ATEÍSMO, a ela deram outros dois significados:

1) Certeza absoluta da inexistência de Deus ou deuses;

2) Luta ideológica incessante contra a fé alheia.

Ace

março 22 2015 Responder

Pois é. Ateísmo ultimamente é propagado como auto ajuda.

Nicolas Bargiela

março 15 2015 Responder

Já não sigo mais essa página há anos, deixou de ser de fato um lugar de encontro de ateus, apenas para promover o ódio.

andreia

março 15 2015 Responder

E estes foram os motivos pelos quais deixei se seguir a ATEA. Me parece totalmente ilógico vc atacar tanto uma coisa na qual não acredita… Quem quiser acreditar em um deus que acredite, quero ser respeitada pela minha não-fé, mas devo respeitar quem crê. Pq senão vira isso aí… Fanatismo.

Sua opinião é bem vinda, desde que respeitosa. Fique à vontade para comentar abaixo