02

jan16

Pérolas de direita #53

10-perolas-de-direita

Aviso de conteúdo: algumas pérolas contêm misoginia (décima imagem).

O Consciencia.blog.br traz mais uma coletânea de 10 pérolas de direita, incluindo comentários e imagens de pessoas ou páginas assumidamente de direita (conservadores/reacionários, neoliberais, teocratas cristãos, “libertários”, “anarco”capitalistas, nacionalistas, “patriotas” coxinhas etc., com prioridade para conservadores/reacionários e coxinhas).

Nas Pérolas de direita você encontra o que há de mais anti-inteligente, odiento, preconceituoso, opressor, autoritário, falacioso, irracional e fanático na direita brasileira.

Obs.: A partir deste mês de janeiro, as pérolas de direita vêm de 15 em 15 dias, de modo que muito trabalho será poupado e estarei mais pronto para eventuais trabalhos fixos que me tirem parte do tempo de abastecer o blog com conteúdo agendado.

** **

00521-defecam

Enquanto “as esquerdas (supostamente) defecam sobre esses cadáveres”, “as direitas” exigem que se combata violência com mais violência, e se “diminua” o número de mortos por bandidos civis aumentando o número de pessoas (criminosos e inocentes) assassinadas por policiais e por “cidadãos de bem” armados.

** **

00522-fotofalsa

“Politizar a população”, “promover a moralização da política” e “combater a corrupção” com fotos falsificadas é o máximo!

** **

00523-todoequalquerlimitedeidade

O bebê de um ano pegou o revólver do pai em cima da mesa e atirou contra o irmão mais velho? O menino de seis anos furtou um pacote de confeitos no mercadinho? O menininho de cinco anos xingou o coleguinha da escola? A menininha de quatro anos achou uma garrafa de veneno alaranjado, achou que era suquinho e deu pra amiguinha sem saber que era veneno? Cadeia neles! Grrrrrr!!!!

** **

00524-ditaduradoproletariado

Enquanto a grande mídia defende claras bandeiras de direita e a imprensa governista tenta defender um governo que mistura desenvolvimentismo capitalista, neoliberalismo e um pequeno e cosmético reformismo, algumas páginas reaças juram que há um “grande movimento revolucionário em defesa da ditadura do proletariado”. Avisa ao sonâmbulo que o Brasil deste início de 2016, arrochadamente capitalista e dominado pelo conservadorismo, não tem nada a ver com a Rússia de 1917, nem com a China de 1949.

** **

00525-daquiuns10anos

E daqui a um segundo vou publicar naquele portal de notícias uma falácia de bola de neve mista com redução ao absurdo contra a esquerda.

** **

00526-todosembrasilia

Relembrar piadas antigas (desde que não sejam preconceituosas) é gostoso. Rememorar vexames da direita “liberal-reacionária”, como a “Coluna Kataguiri” de abril e maio do ano passado, é pra gargalhar.

** **

00527-engambelar

Esses esquerdistas que propõem projetos de país inclusivos e justos e defendem reformas ou revoluções estruturais pra consertar problemas sociais e políticos multicentenários estão só nos “engambelando”. Quem tem a razão mesmo é a direita, que jura pra nós que a “grande solução” pra “acabar com a corrupção” é tirar Dilma do poder, criminalizar o PT e deixar todo o restante dos iníquos da política impune, e que “o jeito” pra “acabar com a violência” é fazer a PM e os “cidadãos de bem” serem ainda mais violentos.

** **

00528-paraisocomunista

Uma esquina local supostamente de Havana, em Cuba, é a “prova cabal” de que socialismo e esquerda, por mais diversos que sejam, nunca prestam. Já a decadência de Detroit, nos EUA, não prova absolutamente nada sobre a (in)sustentabilidade da economia capitalista e do império do mercado, né verdade?

** **

00529-projetodepoder

É preciso deixar claro também que muitos direitistas amam um preconceitozinho malicioso.

** **

00530-proaborto

Pra que levar a sério o direito das mulheres de serem as únicas donas de seus próprios corpos e decidirem por continuar ou interromper a gravidez, quando se pode falar que “ninguém quer fazer um aborto retroativo coletivo” pra se defender que homens misóginos continuem controlando os corpos delas?

imagrs

Seja a primeira pessoa a comentar

Sua opinião é bem vinda, desde que respeitosa. Fique à vontade para comentar abaixo