Artigo
24

out 2015

Quando o misógino ultrajante falou que "pra homens, é" engraçado assédio sexual contra crianças, ele diz necessariamente que você também acha graça e prazer nesse tipo de crime. Não deixe que afirmem isso.

Quando o misógino ultrajante falou que “pra homens, é” engraçado assédio sexual contra crianças, ele diz necessariamente que você também acha graça e prazer nesse tipo de crime. Não deixe que afirmem isso.

Nessa semana, o Brasil viu estarrecido uma onda de comentários de homens pedófilos assediando uma menina de 12 anos e reacionários misóginos caçoando da campanha feminista #PrimeiroAssédio – na qual mulheres contam como sofreram seu primeiro assédio sexual na vida. Um desses sujeitos, um “músico” famoso promotor de “ultrajes” à ética, arrogou que “para homens” em geral, é “engraçado” promover assédio sexual contra meninas crianças e adolescentes. Nessas horas, como homem falando para outros homens, devo falar: você que é homem e está desconstruindo honestamente seu machismo, não deixe nunca que esses machistas sem caráter falem por você. (mais…)

Nenhum Comentário

-

Leia mais aqui

    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/andreortega/public_html/wp-content/themes/momentum/archive.php on line 51
29

jul 2012

Atualização (31/07/12, 00:30): A fanpage do preservativo deletou a propaganda e fez uma pequena retratação.

Uma escalada de denúncias vem movimentando o Facebook nesse fim de semana, contra a propaganda dos preservativos Prudence – a qual foi publicada na fanpage da empresa no último dia 16. Nela, há referências a tirar a roupa da mulher sem seu consentimento e abrir seu sutiã com reação contrária violenta dela.

Grifos em amarelo meus

Até onde sabemos, tirar a roupa (sutiã incluído) da mulher sem o consentimento dela é um princípio de estupro, de relação sexual forçada. É indicativo de que a mulher não quer transar naquele momento mas mesmo assim o homem tira sua roupa com a intenção de transar contra a vontade dela. Incluindo com a mulher reagindo violentamente na tentativa de salvar sua integridade física. E isso são características de um estupro. E não é necessário ser feminista ou simpatizante do feminismo para perceber isso. (mais…)

8 Comentários

-

Leia mais aqui