Artigo
05

dez 2015

sheherazade-cidadaos-de-bem

Atualizado em 05/12/2015 às 13h20

Aviso de conteúdo traumático: há menções a crimes racistas e de violência contra a mulher

Um dos costumes mais comuns na direita brasileira, em especial a conservadora, é sair numa suposta defesa daqueles que ela chama de “cidadãos de bem”. Mas se formos pensar bem na definição de “cidadão de bem” e na postura de direitistas diante de crimes cometidos ora por criminosos civis, ora por policiais, perceberemos que essa defesa é paradoxal por ser seletiva, não protege todos eles, e ao mesmo tempo acoberta pessoas que não são realmente “de bem”. (mais…)

2 Comentários

-

Leia mais aqui
17

nov 2015

Algumas das evidências de que o armamento civil é uma cilada vêm de onde menos se espera: os programas policialescos

Algumas das evidências de que o armamento civil é uma cilada vêm de onde menos se espera: os programas policialescos

É de se imaginar que muitos autodenominados “cidadãos de bem” defensores da revogação do Estatuto do Desarmamento assistem aos programas policialescos e são até entusiastas destes. Tanto é que os usam como fontes recorrentes de “provas” de que o uso civil de armas de fogo deveria ser legalizado. Mas não percebem que estão caindo em contradição com o próprio conteúdo desses programas, que deixam claro como a reivindicação em questão é uma cilada. (mais…)

Nenhum Comentário

-

Leia mais aqui
25

dez 2014

Tirinha de André Dahmer

Tirinha de André Dahmer

por Gunter Brian, do blog Desafio 365

Citação recorrente em debates políticos, geralmente, de natureza etnofóbica, por vez ou outra cruzamos caminho com certos cidadãos de bem. Homens trabalhadores, crianças e mulheres de família direita, humanos humanamente dignos e corretos. Incapazes de cometerem crimes, estes merecem sim, a proteção do estado e da polícia contra o bandido do morro. (mais…)

3 Comentários

-

Leia mais aqui
31

out 2014

dividir-a-sociedade-bons-maus

Existe, entre muita gente da parcela reacionária da sociedade brasileira, o costume de promover uma discriminatória e arbitrária divisão do povo. Separam a população entre os “conservadores do bem”, “gente direita” que “ama o Brasil”, e os “esquerdistas ou bolsistas do mal”, “vagabundos” que “querem transformar o país numa ditadura comunista corrupta”. Colocam-se como “iluminados do bem” e tacham os demais como “imbecis que só fazem o mal”, mas não têm consciência de que são eles os mais “malvados” da história, justamente por fazerem tal divisão e promoverem preconceito e discriminação com base nela. (mais…)

3 Comentários

-

Leia mais aqui
16

abr 2014

pessoas-de-bem

Muitos conservadores de tendência reacionária estufam o peito e enchem a boca para se autointitular “pessoas de bem”, “cidadãos de bem”, “gente direita” – no caso de cristãos desse tipo, também gostam de se considerar “povo de Deus”, “homem/mulher de Deus”. Tentam assim parecer totalmente diferentes daqueles que chamam de “vagabundos”, os que cometem crimes nas ruas ou incidem no “delito” de serem beneficiados por programas de inclusão social como o Bolsa Família. Mas não é nada difícil perceber que, mesmo se formos pensar de acordo com o tradicional dualismo “bem X mal”, essa gente “de bem” carrega muito mal dentro de si. Fazem o “bem” que o diabo gosta. (mais…)

32 Comentários

-

Leia mais aqui

    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/andreortega/public_html/wp-content/themes/momentum/archive.php on line 51
05

fev 2014

perola-rolezinho

É tradição entre a direita conservadora brasileira fazer uma divisão maniqueísta da sociedade entre “cidadãos de bem” e “vagabundos”. Mas quem percebe direito quem realmente são os que se dizem da primeira categoria e quem é jogado na segunda, percebe que tal maniqueísmo é nada mais que uma lenda urbana que não faz sentido. Ou pior, que muitas vezes os “cidadãos de bem” poderiam ser chamados, a partir da própria “lógica” que usam, de “vagabundos” e muitos dos chamados “vagabundos” são na verdade pessoas inocentes que passam longe de atentar contra a vida e integridade alheia. (mais…)

19 Comentários

-

Leia mais aqui