Artigo
02

dez 2016

Quem se faz de vítima: aqueles que vivem apontando "vitimismo" no protesto alheio

Quem se faz de vítima mesmo? Os que protestam contra o preconceito e a discriminação, ou aqueles que vivem apontando “vitimismo” no protesto alheio?

Aviso de conteúdo: O texto menciona palavras e expressões ofensivas de caráter machista e racista usadas por reacionários

Provavelmente você tem visto isso com frequência nas redes sociais e em portais de notícias.

A cada manifestação de uma ou mais pessoas contra piadas, falas sérias e atitudes racistas, machistas, heterossexistas, gordofóbicas, transfóbicas, intolerantes-religiosas, xenófobas etc., aparece uma variedade de reacionários chamando o protesto de “mimimi”, “vitimismo” e/ou “coitadismo”.

Só que eles não percebem uma coisa interessante: sua própria atitude é típica de quem realmente está com uma postura considerada “mimimi” e vitimista diante de algo que não o agrada.

Convido você a saber por quê, vai ser interessante ver esse argumento reacionário voltando-se contra os seus próprios adeptos. (mais…)

1 Comentário

-

Leia mais aqui
12

fev 2016

privilegiado-sendo-oprimido

Uma palavra, ao longo desses últimos anos, caiu no gosto de muitos reacionários e opositores dos Direitos Humanos: “vitimismo” (ou seu sinônimo “coitadismo”). Para eles, pessoas insubmissas que, em nome das minorias políticas às quais pertencem, se revoltam contra a discriminação e o preconceito que sofrem cotidianamente são “vitimistas”. Mas o que realmente significa essa palavra? E, aliás, quem realmente está sendo “vitimista”? (mais…)

10 Comentários

-

Leia mais aqui