Artigo
11

nov 2015

Milhões de famílias, mulheres, pessoas trans e adolescentes são alvos dos conservadores fundamentalistas

Milhões de famílias, mulheres, pessoas trans e adolescentes são alvos dos conservadores fundamentalistas

Aviso de conteúdo traumático: o conteúdo deste texto pode acionar traumas em mulheres sobreviventes de abortos, vítimas de violência sexual, pessoas não heterossexuais e vítimas diversas de intolerância familiar.

Dizem os conservadores que estão “defendendo a vida e a família”, ao respectivamente se colocarem contra o direito da mulher de escolher entre interromper ou manter a gravidez e advogarem pela negação ou revogação das liberdades civis de pessoas não heterossexuais e casais homoafetivos e/ou não monogâmicos. Não sabem que, nessa empreitada contra direitos alheios, estão sendo nada além de cúmplices fundamentais da morte dolorosa de vidas humanas e da destruição de incontáveis famílias – incluindo muitas baseadas no modelo pai-mãe-filhos. (mais…)

5 Comentários

-

Leia mais aqui
08

mar 2015

perola-reacionarios

Muito se fala dos reacionários, popularmente chamados de “reaças” ou, às vezes, “coxinhas”. Fala-se dele especialmente quando há alguma ideia ligada à direita política sendo defendida, como o extermínio de criminosos civis pela polícia, a privatização de empresas estatais e bens públicos (rodovias, ferrovias, aeroportos etc.) e as acusações de que o PT é um partido “comunista” e “bolivariano”. Mas muitas pessoas ainda querem saber, não encontrando a resposta com facilidade: o que é um reacionário? E o que o reacionarismo defende afinal? (mais…)

7 Comentários

-

Leia mais aqui
28

nov 2014

Com certeza não estão entre os que se dizem "defensores da moral e dos bons costumes".

Com certeza não estão entre os que se dizem “defensores da moral e dos bons costumes”.

Um discurso muito comum vindo de conservadores e reacionários, que inclusive tem uma multicentenária tradição, é a defesa do que chamam de “moral e bons costumes”. A tradição moral defendida e a definição de “bons costumes” usada são tão ultrapassadas, opressoras, violentas e discriminatórias que hoje, na prática, podem muito bem ser consideradas “imoral e maus costumes”. (mais…)

4 Comentários

-

Leia mais aqui
22

nov 2014

Imagem de página facebookiana de um projeto de partido conservador. O conservadorismo brasileiro dá atenção de menos para os valores humanistas da tradição brasileira, e demais para resgatar e exaltar o lado autoritário, violento e excludente da mesma

Imagem de página facebookiana de um projeto de partido conservador brasileiro. O conservadorismo tem dado atenção de menos para os valores humanistas da tradição brasileira, e demais para resgatar e exaltar o lado autoritário, violento e excludente da mesma

Muitos conservadores e reacionários brasileiros dizem promover a defesa da tradição no Brasil. Segundo eles, há valores, crenças, normas e costumes que não deveriam sucumbir à mudança dos tempos. Mas quando vemos o que se tem noticiado sobre discursos e medidas de políticos, pastores, militares e outros defensores mais notórios do conservadorismo, nos perguntamos que tradição é essa. Que valores, crenças, normas e costumes está-se realmente tentando conservar? (mais…)

Nenhum comentário

-

Leia mais aqui
16

nov 2014

liberdade-democracia-golpe

Uma palavra muito repetida e, ao mesmo tempo, muito maltratada no reacionarismo brasileiro é liberdade. Muita gente na direita brasileira vive falando, por exemplo, de liberdade de expressão, de liberdade econômica, de proteger suas liberdades de serem eliminadas por uma ditadura “comunista”, da Marcha da Família com Deus pela Liberdade de 1964 e o remake fracassado de 2014, entre outras alusões a um dos mais nobres desejos e direitos humanos. Mas essa “liberdade” defendida pela ideologia reacionária tem um conceito bizarro, que no final das contas orienta para a supressão das liberdades alheias e a reconversão delas em privilégios. (mais…)

13 Comentários

-

Leia mais aqui
06

out 2014

No final das contas, os protestos de junho de 2013 tiveram mais efeito (?) para os inimigos dos Cavaleiros do Zodíaco do que para o quadro político brasileiro

No final das contas, os protestos de junho de 2013 tiveram mais efeito (?) para os inimigos dos Cavaleiros do Zodíaco do que para o quadro político brasileiro

Editado em 06/10/14 às 21h00

Os resultados das eleições de 2014 foram estarrecedores e decepcionantes. Passados um ano e quatro meses dos protestos de junho de 2013 que supostamente pediam mudanças, a maioria da população votou pela conservação ou mesmo retrocesso da ordem vigente, e deixou claro que não há nenhuma grande mudança política em andamento no Brasil. (mais…)

4 Comentários

-

Leia mais aqui
10

maio 2014

Se os conservadores querem "respeitar a ordem", que comecem então por respeitar, em vez de tentar impedir, a mudança e a diversidade.

Se os conservadores querem “respeitar a ordem”, que comecem então por respeitar, em vez de tentar impedir, a mudança e a diversidade.

Costuma-se dizer que o conservadorismo preza pelas “leis naturais”, por aquilo que a Natureza, incluindo a chamada natureza humana, impôs aos seres humanos. Mas curiosamente dois princípios essenciais dessa “ordem natural” não são considerados por grande parte dos conservadores: a diversidade e a permanente mudança, ambas as quais regem praticamente todas as sociedades, desde as ditas “primitivas” até aquelas radicalmente modernas. (mais…)

Nenhum comentário

-

Leia mais aqui

    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/consciencia/www/wp-content/themes/momentum/archive.php on line 51
10

abr 2014

"Politicamente incorretos", incorretos apenas perante a ética. Para o status quo, eles são muito "corretos".

“Politicamente incorretos”, incorretos apenas perante a ética. Para o status quo, eles são muito “corretos”.

Ao longo desta década, a parcela de “humoristas” que se dizem orgulhosamente “politicamente incorretos” se tornou muito notória, com muitas pessoas os admirando e tantas outras os repudiando, com eles lhes despertando ambos os sentimentos por suas “piadas” racistas, homofóbicas, machistas-misóginas, antissemitas, especistas etc. Mas se formos pensar o termo “politicamente incorreto” ao pé da letra, perceberemos que essa categoria “humorística” é tudo menos politicamente incorreta. (mais…)

1 comentário

-

Leia mais aqui

    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/consciencia/www/wp-content/themes/momentum/archive.php on line 51
09

jul 2013

A verdadeira "decadência moral" está nos próprios acusadores de uma suposta degeneração moral da sociedade atual.

A verdadeira “decadência moral” está nos próprios acusadores de uma suposta degeneração moral da sociedade atual.

Dizem os conservadores que estamos enfrentando uma “decadência moral”, com a aceitação de valores que eles rejeitam com ódio, como o respeito às diferenças e a intolerância contra o preconceito. Porém, se observarmos direitinho, concluímos duas coisas: primeiro, nunca existiu uma “decadência” propriamente dita da moralidade; segundo, os autênticos “moralmente decadentes” são ninguém menos que aqueles que acusam a sociedade de ser “cada vez menos moral”. (mais…)

1 comentário

-

Leia mais aqui

    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/consciencia/www/wp-content/themes/momentum/archive.php on line 51
03

jun 2013

Com modelo político lulista, as classes pobres brasileiras foram engessadas no conservadorismo consumista. Mal sabe Lula que, graças a isso, ele pode ser considerado um dos maiores traidores, senão o maior, da esquerda e da população oprimida do Brasil.

Com modelo político lulista, as classes pobres brasileiras foram engessadas no conservadorismo consumista. Mal sabe Lula que, graças a isso, ele pode ser considerado um dos maiores traidores, senão o maior, da esquerda e da população oprimida do Brasil.

Ivan Valente, do PSOL, escreveu um texto esclarecedor, que nos abre os olhos para o triste fato de que Lula fez bem mais pela expansão e consolidação do conservadorismo – e consequente esfriamento da luta de classe e da esperança por uma sociedade igualitária, democrática e justa – no Brasil do que muitos nomes da direita elitista nacional. Seu modelo político lulista, de subornar os pobres com benesses de incentivo ao consumismo e dar todo o poder de fato aos grandes empresários, latifundiários, cristãos fundamentalistas etc., estragou a chance que o Brasil tinha de vivenciar uma autêntica virada de jogo na situação sociopolítica de opressão e controle das classes mais pobres pelas elites.

Vale ler o texto e concluir uma triste verdade: Lula, muito longe de emancipar as classes trabalhadoras brasileiras, foi na verdade um dos maiores, se não o maior, traidor da esquerda e do povo brasileiro. (mais…)

10 Comentários

-

Leia mais aqui