Artigo de Outros Autores
08

mar 2013

mito-de-1857

Editado em 08/03/2015 às 14h12

A versão acima da origem do Dia Internacional da Mulher tem sido questionada cada vez mais e relegada a mito – e um mito cuja origem pode ter sido a escusa pretensão de esconder do mundo as origens socialistas da data, em se falando tanto das bolcheviques russas como das operárias manifestantes de outros países.

Vale, neste 8 de março, ler o que Audinei C. Neves, tendo obtido informações do Núcleo Piratininga de Comunicação, fala sobre os questionamentos e revisão das origens desse dia tão importante para a luta feminista. E falando em dia tão importante, é necessário relembrar aos homens: hoje não é dia de homenagens pseudorromânticas às mulheres, tampouco de realçar papéis de gênero impostos a elas, mas sim de compreender e apoiar a luta feminista pela libertação das mulheres.

 

O mito de 1857- Como surgiu o Dia Internacional da Mulher
Por Audinei C. Neves, fisioterapeuta

Como se criou o mito de 1857? O Dia da Mulher é associado continuamente à história de uma greve, que ocorreu em Nova Iorque, em 1857, na qual 129 operárias morreram depois dos patrões terem incendiado a fábrica ocupada. Entretanto, esse marco é controverso.

A primeira citação a essa greve, sem nenhum dos detalhes que serão acrescentados posteriormente, aparece no jornal do Partido Comunista Francês, na véspera do oito de Março de 1955. Porém, quando sucedeu a fixação da data do oito de março? (mais…)

5 Comentários

-

Leia mais aqui