Direitos Humanos

    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/andreortega/public_html/wp-content/themes/momentum/archive.php on line 51
17

abr 2013

Um ato falho do Estadão deixou a entender que, dentre jovens de baixa renda, apenas homens poderão desfrutar de passagens intermunicipais gratuitas ou com desconto substancial, enquanto moças ficariam de fora do direito:

rapaz-de-baixa-renda

Ao contrário do que se afirma sobre a palavra “homem”, “rapaz” não costuma ser usado como palavra (pseudo)genérica em gênero. Ficou a impressão de que moças não terão o direito em questão, numa imaginária discriminação por sexo.

Foi um ato falho, mas percebe-se como a mentalidade de muit@s, acostumada com a cultura androcêntrica em que vivem, acaba dando margem a esse tipo de erro crasso.

Avise ao fale-conosco do Estadão do erro, pedindo-o para corrigir.

1 Comentário

-

Leia mais aqui