Artigo
18

nov 2014

Dizem-se "defensores da democracia" e "inimigos da ditadura comunista (sic)". Mas são os primeiros a clamar por autoritarismo contra a esquerda e as categorias sociopolíticas historicamente oprimidas.

Dizem-se “defensores da democracia” e “inimigos da ditadura comunista (sic)”. Mas são os primeiros a clamar por autoritarismo contra a esquerda e as categorias sociopolíticas historicamente oprimidas.

Uma das muitas hipocrisias e contradições da militância conservadora brasileira é o contraste entre seus discursos de “defesa da liberdade e da democracia” e oposição ao que chamam de “ditaduras comunistas” – e também à “ditadura gay e feminista” – e suas práticas e princípios autoritários. Os aderentes desse “ativismo” de direita se dizem “apaixonados pela liberdade”, mas são os primeiros a atentarem contra ela. (mais…)

5 Comentários

-

Leia mais aqui