Artigo
13

ago 2016

Árvore chorando. A Natureza, desprezada pela maioria dos debatedores de política brasileiro, chora de desgosto. O meio ambiente foi escanteado.

A Natureza, desprezada pela maioria dos debatedores de política brasileiros, chora de desgosto. O meio ambiente foi escanteado.

Você vai se sentir tocado(a) por esta reflexão sobre a decadência do ambientalismo no Brasil e o que você pode fazer para ajudar a reanimá-lo e renová-lo

Você já parou recentemente para perceber uma coisa?

Ao longo desta década, você tem visto que as discussões políticas estão se tornando cada vez mais acaloradas, muitas vezes passando dos limites da civilidade. Noves fora as agressões, baixarias e boatos, esquerda e direita têm defendido com muita firmeza suas bandeiras.

Mas verifique o que os dois lados têm argumentado e embandeirado e perceba: cadê o tema meio ambiente? (mais…)

Nenhum Comentário

-

Leia mais aqui
03

fev 2016

movimento-ambientalista

Diante de fatos indignantes relativos à degradação do meio ambiente no Brasil, como o crime ambiental das mineradoras Vale e BHP em Mariana/MG e no Rio Doce e a pior política “ambiental” federal desde a redemocratização, pudemos perceber a apatia e impotência, quando não o simples silêncio, do movimento ambientalista. Nos perguntamos diante disso: o que será que aconteceu com o ambientalismo brasileiro, que o deixou tão fraco e inaudível como está hoje? (mais…)

1 Comentário

-

Leia mais aqui
25

nov 2015

ocupe-estelita

O movimento #OcupeEstelita, que luta pela democracia urbana no Recife, é um típico “novo movimento social” do século 21, com diversas características que o distinguem daqueles movimentos tradicionais vindos do século 20, como os sindicais. Outro aspecto importante dele é que ele traz perspectivas de renovação para o ambientalismo, sendo ele, creio eu, essencial para influenciar e mesmo identificar o movimento ecologista dos novos tempos. (mais…)

1 Comentário

-

Leia mais aqui
13

nov 2015

Título e cabeçalho da matéria da Galileu. O cabeçalho diz que "a humanidade decidiu" caminhar para o precipício climático, cometendo um pacote de erros ao dizer isso

Título e cabeçalho da matéria da Galileu. O cabeçalho diz que “a humanidade decidiu” caminhar para o precipício climático, cometendo um pacote de erros ao dizer isso. Clique na imagem para vê-la em tamanho completo

Editado em 14/11/15 às 00h04, com ajuste no sexto parágrafo, cuja menção a “filósofos positivistas e bacon-cartesianos”  foi substituída

Em matéria do último dia 11, o site da revista Galileu noticiou um grande descolamento e desmoronamento de iceberg na calota polar da Groenlândia, e afirmou no cabeçalho que “O precipício do desastre climático para o qual a humanidade decidiu marchar está resumido nesse registro histórico” (grifo meu). Devo alertar aos responsáveis pela notícia que é muito imprudente dizer que a culpa é uniformemente “da humanidade” como um todo e que ela “decidiu”, enquanto conjunto de bilhões de indivíduos supostamente em pensamento e intenção sincronizados e uniformizados, cavar sua própria desgraça, ecologicamente falando. (mais…)

Nenhum Comentário

-

Leia mais aqui